Chico Neves

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Chico Neves (Belo Horizonte, 1960)[1] é um produtor musical brasileiro. Iniciou sua carreira em 1978, ao sair de Minas Gerais para se tornar estagiário dos estúdios da EMI-ODEON no Rio de Janeiro. Seu primeiro trabalho em produção foi um álbum de Lucinha Turnbull em 1979, que lhe rendeu um cargo de assistente do baixista e produtor Liminha na Warner Music. Ajudou Liminha a criar o estúdio Nas Nuvens, e partiu para uma carreira solo em 1986. Neves criou um estúdio caseiro em seu apartamento no Jardim Botânico. O número do apartamento, 304, permaneceria em todos os empreendimentos seguintes de Neves, incluindo seu atual estúdio em Nova Lima.[2]

Produziu discos do Rappa (Lado B Lado A), Lenine ( O Dia em que Faremos Contato), Skank (Maquinarama, Carrossel), Paralamas do Sucesso (Hey Na Na), Los Hermanos (Bloco do Eu Sozinho), Ludov (Disco Paralelo), Arnaldo Antunes (Um Som, Saiba), Nando Reis (Sim Não), Jam da Silva (Dia Santo), Lucas Santtana (Eletrobemdodo), Lô Borges (Meu Filme), F.ur.t.o., Chelpa Ferro, Jorge Mautner (Bomba de Estrelas), Roberto Guima entre outros, além de trilhas de filmes como Eu, Tu, Eles de Andrucha Waddington, Deus é Brasileiro de Cacá Diegues. Em 2014, fez a mixagem do trabalho da banda SOMBA, de Belo Horizonte.

[3][4][5]

Referências

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.