Chris Cunningham

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Chris Cunningham (Reading, 15 de outubro de 1970) é um videoartista britânico. Cunningham tem dirigido principalmente vídeos de música ambiente e música eletrônica como Autechre e Aphex Twin. Ele também criou instalações de arte e dirigiu curta-metragens. Na década de 2000, Cunningham começou a fazer o trabalho na montagem de videoclipes. Ele também projetou a capa de álbuns para uma vários artistas.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Chris Cunningham nasceu em Reading, Reino Unido e é casado com a baixista do Warpaint Jenny Lee Lindberg.[1] Desde jovem ele teve interesse em desenhos e esculturas das quais ele fotografava. Sua carreira artística iniciou na revista em quadrinhos 2000AD sobre o pseudônimo de Chris Halls. Posteriormente, trabalhou nos efeitos especiais de filmes como Alien 3, Alien: A Ressurreição e Juiz Dredd. Esteve envolvido no projeto do filme A.I. - Inteligência Artificial quando Stanley Kubrick estava comprometido com o mesmo.

Ele estreou na montagem de videoclipes em 1995 pela de Warp Records, com a conclusão do vídeo promocional da música Second Bad Vibel da banda Autechre e continuou seu trabalho com artistas como Squarepusher, Björk, Madonna, Portishead e, especialmente, Aphex Twin, entre outros.

Ele fez comerciais de TV para marcas internacionais, como a Nissan e a Sony. Entre outros trabalhos incluem a de videoinstalações como Flex (apresentado por ocasião na exposição Apocalypse na Academia Real Inglesa em 2000) e os curta-metragens Monkey Drummer[2] e Rubber Johnny,[3] todos com música de Aphex Twin. A partir destas obras Cunningham cria o seu estilo próprio, caracterizado pela sua imaginação distorcida, sua obsessão por anatomias desfiguradas e mórbidas, suas sincronizações exatas e seu senso de humor único.[4]

Videografia[editar | editar código-fonte]

  • "Second Bad Vilbel" (1996) videoclipe do Autechre
  • "Back With The Killer Again" (1996) videoclipe do The Auteurs
  • "Light Aircraft on Fire" (1996) videoclipe do The Auteurs
  • "Fighting Fit" (1996) videoclipe do Gene
  • "Another Day" (1996) videoclipe do Lodestar
  • "Space Junkie" (1996) videoclipe do Holy Barbarians
  • "36 Degrees" (1996) videoclipe do Placebo
  • "Personally" (1997) videoclipe do 12 Rounds
  • "Jesus Coming in for the Kill" (1997) videoclipe do Life's Addiction
  • "The Next Big Thing" (1997) videoclipe do Jesus Jones
  • "Tranquillizer" (1997) videoclipe do Geneva
  • "No More Talk" (1997) videoclipe do Dubstar
  • "Something to Say" (1997) videoclipe do Jocasta
  • "Come to Daddy" (1997) videoclipe do Aphex Twin
  • "Sport is Free" (1997) – comercial da ITV
  • "Fetish" (1998) – comercial da NUS
  • "Clip Clop" (1998) comercial da XFM London
  • "Only You" (1998) videoclipe da Portishead
  • "Frozen" (1998) videoclipe da Madonna
  • "Come On My Selector" (1998) Featuring Squarepusher
  • "Engine" (1999) comercial da Nissan. Com a música do Boards of Canada
  • "All Is Full of Love" (1999) videoclipe da Björk
  • "Windowlicker" (1999) videoclipe do Aphex Twin
  • "Afrika Shox" (1999) videoclipe do Leftfield e Afrika Bambaataa
  • "Mental Wealth" (1999) comercial da Sony PlayStation
  • "Photocopier" (não foi lançado) comercial da Levi's
  • "Flex" (2000) videoinstalação. Com a música do Aphex Twin
  • "Monkey Drummer" (2001) videoinstalação. Com a música "Mt Saint Michel + Saint Michaels mount" do álbum Drukqs do Aphex Twin
  • "Up and Down" (2002) – comercial da Levi's
  • "Photo Messaging" (2003) comercial da Orange
  • "Rubber Johnny" (2005) com a música "Afx237 V7" do álbum Drukqs do Aphex Twin
  • "Sheena Is a Parasite" (2006) videoclipe do The Horrors
  • "Gucci Flora" (2009) comercial de perfume da Gucci
  • "New York Is Killing Me (Chris Cunningham Remix)" (2010) videoclipe do Gil Scott-Heron
  • "Jaqapparatus 1" (2012) instalação artística robótica desempenhado para a Audi em Londres
  • "Love Is To Die" documentário de multimídia para o lançamento do álbum do Warpaint (2014)

Referências

  1. «Warpaint sobre segundo disco: "Tínhamos muita energia e criatividade guardadas" - Música - iG». Último Segundo 
  2. «Monkey Drummer». 23 de junho de 2011. Consultado em 19 de outubro de 2016 
  3. Tarantola, Andrew. «Aphex Twin: Rubber Johnny (NSFW)». Gizmodo (em inglês) 
  4. Campion, Chris. «Cheap but never cheerful». Telegraph.co.uk 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Chris Cunningham