Chris Sutton

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva não cita as suas fontes ou referências, o que compromete sua credibilidade (desde agosto de 2013).
Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Chris Sutton
Informações pessoais
Nome completo Christopher Roy Sutton
Data de nasc. 10 de março de 1973 (46 anos)
Local de nasc. Nottingham,  Reino Unido
Nacionalidade Inglês
Altura 1,91 m
Informações profissionais
Equipa atual Aposentado
Posição Atacante
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1991–1994
1994–1999
1999–2000
2000–2006
2006
2006–2007
2012
Inglaterra Norwich City
Inglaterra Blackburn Rovers
Inglaterra Chelsea
Escócia Celtic
Inglaterra Birmingham City
Inglaterra Aston Villa
Inglaterra Wroxham
103 (35)
131 (50)
28 (1)
130 (63)
10 (1)
8 (1)
1 (0)
Seleção nacional
1992–1994
1994
1997
Flag of England.svg Inglaterra Sub-21
Flag of England.svg Inglaterra B
Flag of England.svg Inglaterra
13 (1)
2 (0)
1 (0)
Times/Equipas que treinou
2009–2010 Inglaterra Lincoln City 50

Christopher Roy "Chris" Sutton (Nottingham, 10 de março de 1973) é um ex-futebolista e treinador de futebol Inglês que atuava como atacante.

Durante sua carreira, iniciada em 1991 no Norwich City, Sutton, embora fosse jogador de ataque, também chegou a atuar como defensor em alguns momentos. Devido à altura (1,91 m), também jogava no meio-campo. Viveu seu auge no Blackburn Rovers, onde jogou entre 1994 e 1999, formando uma dupla de ataque com Alan Shearer.

O bom desempenho fez com que o Chelsea investisse 10 milhões de libras no atleta, que não repetiu o mesmo êxito na época de Blackburn: foram apenas 28 jogos e um único gol. Em 2000, assinou com o Celtic, onde atuaria até 2006, com 130 partidas disputadas e 63 gols. Sem espaço nos Bhoyz, Sutton regressou à Inglaterra para defender o Birmingham City, mas problemas com lesões prejudicaram sua passagem, tendo jogado apenas oito partidas e marcado um gol, no clássico frente ao Aston Villa.

Com o rebaixamento do Birmingham à Segunda Divisão, o atacante permaneceu desempregado até outubro de 2006, quando assinou com os Villains até o final da temporada. No Aston Villa, o atleta reencontraria Martin O'Neill, seu ex-técnico no Celtic. Em 4 de julho de 2007, uma lesão no olho sofrida no jogo com o Manchester United, em dezembro, causou o primeiro encerramento da carreira de Sutton, aos 34 anos.

Carreira de técnico[editar | editar código-fonte]

Dois anos após pendurar as chuteiras, Sutton foi confirmado como novo técnico do Lincoln City, mas sua passagem na equipe, então na League Two (quarta divisão inglesa) durou apenas um ano.

Retorno aos gramados[editar | editar código-fonte]

Cinco anos e três meses após encerrar a carreira, Sutton decidiu retomar a carreira de jogador no Wroxham, time que joga a Divisão 1 (Norte) da Isthmian League, que corresponde ao sétimo e oitavo níveis do futebol inglês. Nos Yachtsmen, atuou ao lado de seu filho Oliver, que na época era goleiro do clube.

Seleção[editar | editar código-fonte]

Com a Seleção Inglesa de Futebol, Sutton disputou uma partida em 1997, visando ser convocado por Glenn Hoddle para a Copa de 1998, mas o técnico não o incluiu na lista de convocados. Além da equipe principal, o atacante fez partidas pelos times sub-21 e B.

Links[editar | editar código-fonte]

Bandeira de InglaterraSoccer icon Este artigo sobre futebolistas ingleses é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.