Christian August Hausen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Christian August Hausen
Imagem de uma edição de 1737 do Acta Eruditorum
Nascimento 19 de junho de 1693
Dresden, Eleitorado da Saxônia
Morte 2 de maio de 1743 (49 anos)
Leipzig, Eleitorado da Saxônia
Nacionalidade Alemão
Alma mater Universidade de Halle-Wittenberg
Orientador(es) Johann Christoph Wichmannshausen e Johann Andreas Planer[1]
Orientado(s) Gottfried Heinsius, Abraham Gotthelf Kästner
Instituições Universidade de Leipzig
Campo(s) Matemática, física
Tese 1713: De corpore scissuris figurisque non cruetando ductu

Christian August Hausen (Dresden, 19 de junho de 1693Leipzig, 2 de maio de 1743) foi um matemático e físico alemão.

É conhecido por suas pesquisas sobre eletricidade.

Hausen estudou matemática na Universidade de Halle-Wittenberg e obteve o grau de mestre em 1712. Foi professor extraordinário de matemática na Universidade de Leipzig com 21 anos de idade e depois (1726) foi professor ordinário.[2]

Hausen também pesquisou fenômenos elétricos, usando um gerador triboelétrico. Na introdução de seu livro, Novi profectus in historia electricitatis,[3][4] publicado postumamente, Hausen afirma ter iniciado estes experimentos pouco antes de sua morte. O gerador de Hausen era similar a geradores existentes na época, tal qual o de Francis Hauksbee. Consistia em um globo de vidro girado por uma corda e uma grande roda. Um assistente esfregava o globo com suas mãos para produzir eletricidade estática. O livro de Hausen descreve seu gerador e estabelece uma teoria da eletricidade na qual a eletrificação é uma consequência da produção de vórtices em um fluido elétrico universal.[5]

Obras[editar | editar código-fonte]

  • De Hierosolymis aureis. Wittenberg 1713
  • De demonstratione existentiae dei, de ellipsibus infinitis propositiones geometricae. Leipzig 1714
  • Theoria motus solis circa proprium axera, quam disputatane pro loco in amplissima … proposuit. Leipzig 1726
  • De perceptionum idearumque in mente humana productione et nexu.
  • Considertiones hydraulicae de aquae effluentis mensura, ad Loca aliquod Frontini explicanda.
  • De vi perceptiva animae.
  • De contradictionibus Scepticorum.
  • De substantia et accidente.
  • De rebus quibusdam ex regno minerali
  • De variis modis per ignem aliquid significandi
  • De variis cognnitionis et ingeniorum humanorum generibus it.
  • De styli, quo eruditi homines utuntur varia indole.
  • De catione et reasctione cont. Keilium et Defagulierum.
  • Elementa mathesos. Leipzig 1734
  • Novi profectus in historia electricitatis. Leipzig 1743 (editado por J. C. Gottsched)

Referências

  1. Christian August Hausen (em inglês) no Mathematics Genealogy Project
  2. pp. 94–95, Biographies of contributors to the early investigation of electrical phenomena, Reimund Gerhard-Multhaupt, IEEE Transactions on Electrical Insulation 26 (February 1991), #1, pp. 85–130.
  3. Novi profectus in historia electricitatis, Christian August Hausen, Leipzig: Theodorum Schwan, 1743.
  4. pp. 72–73, Electricity from glass: the history of the frictional electrical machine 1600–1850, Willem Dirk Hackmann, Alphen aan den Rijn, Netherlands: Sijthoff & Noordhoff, 1978. ISBN 90-286-0308-5.
  5. pp. 270–272, Electricity in the 17th and 18th centuries: a study of early modern physics, J. L. Heilbron, Berkeley: University of California Press, 1979. ISBN 0-520-03478-3.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.