Ciclismo nos Jogos Pan-Americanos de 2019

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cycling (road) pictogram.svg
Ciclismo
Flag of PASO.svg

As competições de ciclismo nos Jogos Pan-Americanos de 2019 em Lima, Peru, estão programadas para serem realizadas em cinco sedes diferentes em Lima. O Circuito BMX sediará as competições de BMX, enquanto a Pista de skateboarding sediará os eventos de BMX estilo livre. O Morro Solar receberá as competições de mountain bike, com o Circuito San Miguel sendo responsável pelas competições de estrada. Finalmente, o velódromo receberá as competições de ciclismo de pista.

As competições de BMX ocorrerão de 7 de agosto a 11 de agosto (último dia dos jogos), enquanto os eventos de mountain bike serão realizados em 28 de julho. O ciclismo de estrada acontecerá de 7 de agosto a 10 de agosto. As competições de ciclismo de pista ocorrerão de 1 de agosto a 4 de agosto.

Em 2016, o Comitê Olímpico Internacional (COI) implementou várias mudanças nos seus programas esportivos, que foram subsequentemente incorporadas para estes jogos. Entre as inclusões, houve a entrada dos eventos de BMX estilo livre pela primeira vez no [[Modalidades dos Jogos Pan-Americanos}programa esportivo]] dos Jogos Pan-Americanos. Além disso, houve a entrada do evento de Madison no ciclismo de pista para homens e mulheres.[1][2]

Estão programados para serem realizados 22 eventos: quatro no BMX, dois no mountain bike, quatro na estrada e doze no ciclismo de pista. Um total de 250 ciclistas irão se classificar para competir nos jogos..[3]


Medalhistas[editar | editar código-fonte]

BMX[editar | editar código-fonte]

Evento Gold medal america.svg Ouro Silver medal america.svg Prata Bronze medal (Americas).svg Bronze
Corrida masculina
detalhes
Corrida feminina
detalhes
Estilo livre masculino
detalhes
Estilo livre feminino
detalhes

Mountain bike[editar | editar código-fonte]

Evento Gold medal america.svg Ouro Silver medal america.svg Prata Bronze medal (Americas).svg Bronze
Cross-country masculino
detalhes
Gerardo Ulloa
MéxicoMEX México
Henrique Avancini
BrasilBRA Brasil
Martin Kossman
ChileCHI Chile
Cross-country feminino
detalhes
Daniela Campuzano
MéxicoMEX México
Sofia Gomez
ArgentinaARG Argentina
Jaqueline Mourão
BrasilBRA Brasil

Estrada[editar | editar código-fonte]

Evento Gold medal america.svg Ouro Silver medal america.svg Prata Bronze medal (Americas).svg Bronze
Corrida em estrada masculina
detalhes
Corrida em estrada feminina
detalhes
Contra o relógio masculino
detalhes
Contra o relógio feminino
detalhes

Pista[editar | editar código-fonte]

Evento Gold medal america.svg Ouro Silver medal america.svg Prata Bronze medal (Americas).svg Bronze
Perseguição por equipes masculino
detalhes
Perseguição por equipes feminino
detalhes
Velocidade individual masculino
detalhes
Velocidade individual feminino
detalhes
Velocidade por equipes masculino
detalhes
Velocidade por equipes feminino
detalhes
Keirin masculino
detalhes
Keirin feminino
detalhes
Omnium masculino
detalhes
Omnium feminino
detalhes
Madison masculino
detalhes
Madison feminino
detalhes

Classificação[editar | editar código-fonte]

Um total de 250 ciclistas (143 homens e 107 mulheres) irão se classificar para competir. Serão 160 atletas classificados no ciclismo de pista/estrada, 34 no mountain bike e 56 no BMX. Vários eventos e rankings foram utilizados para determinar os classificados. Uma nação pode inscrever um máximo de 26 atletas, sendo quatro no mountain bike (2 homens e 2 mulheres), seis no BMX (três por gênero) e um total de 16 na estrada e na pista (10 homens e 6 mulheres).[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Tokyo 2020 event programme to see major boost for female, youth and urban appeal». www.olympic.org/. International Olympic Committee. 9 de junho de 2017. Consultado em 20 de dezembro de 2017 
  2. Mather, Victor (9 de junho de 2017). «Olympics Adds 3-on-3 Basketball and Mixed Gender Relays». The New York Times. Nova Iorque, Nova Iorque. Consultado em 20 de dezembro de 2017 
  3. a b «Qualification System manual» (PDF). www.panamsports.org/. ODEPA. 25 de abril de 2018. Consultado em 29 de maio de 2018