Ciclo hidrológico em Portugal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A água da Terra - que constitui a hidrosfera - distribui-se por três reservatórios principais, os oceanos, os continentes e a atmosfera, entre os quais existe uma circulação contínua – ciclo da água ou ciclo hidrológico. Este ciclo é responsável pela renovação da água no planeta.

Fluxos hidrológicos a longo prazo[editar | editar código-fonte]

Os valores apresentados datam de 2007 e representam a média aritmética dos últimos 20 anos em m³:

Fluxo Descrição Valor
Precipitação Precipitação total que cai sobre o território num ano, pois é 82 000
Fluxo interno Aumento do nível caudal e da água subterrânea gerado em condições naturais. Este valor é igual à precipitação subtraindo o valor da evapotranspiração 39 000
Fluxo externo real Volume do fluxo real em rios e água subterrânea vindo de países vizinhos 35 000
Recursos hídricos de água potável renováveis Soma do fluxo internoa e do fluxo externo real 74 000

Serviços ambientais[editar | editar código-fonte]

Infiltração, Escoamento e Reciclagem de Nutrientes[editar | editar código-fonte]

Um dos serviços ambientais prestados pela água é a infiltração e o escoamento, funções do ciclo hidrológico que permitem fazer chegar a água aos humanos. Este serviço tem um substituto no capital humano: os sistemas de abastecimento de água.

A tabela seguinte apresenta os custos totais dos serviços de abastecimento de água (incluindo custos de investimento, custos gerais e custos de exploração e gestão dos sistemas), por regiões hidrográficas, por unidade de volume fornecido.

Regiões hidrográficas Custo por m3
Continente 1,09 €
Açores 2,06 €
Madeira 0,90 €

Outro dos serviços ambientais prestado pela água é a reciclagem de nutrientes. Este serviço é substituível por sistemas de drenagem e de tratamento de águas residuais, que funcionam através das ETARs.

Os custos totais de drenagem e tratamento de águas residuais (incluindo custos de investimento, custos gerais e custos de exploração e gestão dos sistemas) por regiões hidrográficas, por unidade de volume drenado, são apresentados de seguida.

Regiões hidrográficas Custo por m3
Continente 0,88 €
Açores 1,77 €
Madeira 0,32 €

Ligações externas[editar | editar código-fonte]