Ciclone de Bhola de 1970

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ciclone de Bhola em 1970
Categoria 3 (EFSS)
O ciclone de Bhola em 11 de Novembro de 1970 às 0858 UTC
Formação 7 de Novembro de 1970
Dissipação 13 de Novembro de 1970
Vento mais forte (1 min) 110 nós (204 km/h, 127 mph)
Vento mais forte (10 min) 100 nós (185 km/h, 115 mph)
Pressão mais baixa 966 hPa (mbar) ou 725 mmHg
Danos $86,4 milhões de dólares americanos (valores em 1970)
Inflação $460 milhões de dólares (valores em 2007)
Fatalidades De 300.000 a 500.000 (O ciclone tropical mais mortífero em toda a história registrada)
Áreas afetadas Índia (Bengala Ocidental), Paquistão Oriental (atual Bangladesh)
Parte da
Temporada de ciclones no Oceano Índico norte de 1970

O ciclone de Bhola em 1970 foi um ciclone tropical devastador que atingiu o Paquistão Oriental (atual Bangladesh) e Bengala Ocidental, na Índia em 12 de novembro de 1970.[1] O ciclone foi o sistema tropical mais mortífero já registrado e também um dos desastres naturais mais mortíferos nos tempos modernos. Entre 300.000 e 500.000 pessoas perderam suas vidas, principalmente devido à maré de tempestade associada que inundou muitas ilhas de pouca altitude do Delta do Rio Ganges.[2] Este ciclone foi a sexta tempestade ciclônica da temporada de ciclones no Oceano Índico norte de 1970 e também foi o mais intenso, alcançando a força equivalente a um furacão de categoria 3 na escala de furacões de Saffir-Simpson.[1]

O ciclone formou-se na região central do Golfo de Bengala em 8 de novembro e seguiu para o norte, intensificando-se. o sistema alcançou o seu pico de intensidade com ventos constantes de 185 km/h em 12 de Novembro e então fez landfall na costa do Paquistão Oriental naquela noite.[1] A maré ciclônica devastou muitas ilhas próximas à costa, destruindo muitos vilareijos e plantações na região.[2] A cidade Thana de Tazumuddin foi o local mais severamente afetado, sendo que 45% da população de 167.000 morreram como conseqüência da passagem do ciclone.[3]

O governo paquistanês foi severamente criticado no tratamento de suas operações de socorro pelos líderes do Paquistão Oriental e pela mídia internacional. Com isso e com outros fatores, a oposição, formada pela Liga Awami, ganhou uma vitória esmagadora na província, e a contínua intranqüilidade entre o Paquistão Oriental e o governo central provocou a Guerra de Independência de Bangladesh.[4]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Furacão Catrina Portal da
meteorologia

Referências

  1. a b c Departamento Meteorológico da Índia (1970). «Annual Summary - Storms & Depressions» (PDF) (em inglês). Consultado em 15 de abril de 2007 
  2. a b Kabir, M. M.; Saha B. C.; Hye, J. M. A. «Cyclonic Storm Surge Modelling for Design of Coastal Polder» (PDF). Instituto de Modelagem de Água (em inglês). Consultado em 15 de abril de 2007 
  3. Sommer, Alfred; Mosley, Wiley (13 de maio de 1973). «East Bengal cyclone of November, 1970: Epidemiological approach to disaster assessment» (PDF). The Lancet. Consultado em 15 de abril de 2007 
  4. Jin Technologies (1 de junho de 2003). «General Elections 1970» (em inglês). Consultado em 15 de abril de 2007 
Ícone de esboço Este artigo sobre ciclones tropicais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.