Ciclone do Sri Lanka de 2000

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ciclone do Sri Lanka de 2000
colspan="2" class="" style="text-align:center; background-color:#ffffcc

text-align:center; background-color:#ffffcc text-align:center; background-color:#ffc140" | Categoria 1 (EFSS) Ciclone tropical

(ECIS)

Tempestade ciclônica muito intensa

(ECIN)
O ciclone durante seu pico de intensidade, pouco antes de chegar em terra firme, em 26 de dezembro de 2000 (crédito da fotografia: NASA).
Formação 23 de dezembro de 2000
Dissipação 28 de dezembro de 2000
Vento mais forte (1 min) 75 mph (120 km/h)
Pressão mais baixa 970 hPa (mbar) ou 728 mmHg
Fatalidades 9 vítimas diretas e 8 desaparecidos
Áreas afetadas Sri Lanka e sul da Índia
colspan="2" style="text-align:center; background-color:#ffffcc

background-color:#ffffcc background-color:#ffc140" | Parte da
Temporada de ciclones no Índico Norte de 2000

O Ciclone do Sri Lanka de 2000 foi o mais forte ciclone tropical a atingir o Sri Lanka desde 1978. Foi quarta tempestade tropical e a segunda tempestade ciclônica da temporada de ciclones no Índico Norte de 2000.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ciclone do Sri Lanka de 2000


Ícone de esboço Este artigo sobre ciclones tropicais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.