Cigarro de palha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

O cigarro de palha é composto, basicamente, de um punhado de tabaco, envolvido por uma palha de milho, podendo haver pequenas modificações nesses dois componentes.

O cigarro de palha, também conhecido por várias gírias (palheiro, palha, pó ronca, paiol, etc.), é conhecido por ser mais artesanal do que o cigarro convencional. Não sendo industrializado, chega a ser no máximo manufaturado, porém muitos usuários costumam comprar a palha e o fumo separadamente, enrolando seus cigarros pessoalmente. Outra diferença é que o cigarro de palha não tem filtro e por isso algumas pessoas defendem que, apesar de continuar sendo nocivo à saúde, possui menos fatores químicos. Em contra mão, outras pessoas defendem que o cigarro de palha é mais prejudicial por não filtrar a fumaça tragada. Por ser um produto produzido de forma artesanal, inexistem pesquisas de laboratório, financiadas pelo governo, para comprovar tais malefícios à saúde.

Muito presente na cultura brasileira, ainda é comum encontrar o cigarro de palha, principalmente em regiões rurais, onde as comunidades tradicionais ainda preservam o costume de fumá-lo, às vezes com o fumo de corda. Hoje ele vem sendo introduzido novamente a nossa cultura, os jovens buscou como alternativa esse tipo de fumo principalmente em regiões mais ricas (sudeste e sul) devido seu preço alto, muito comum encontrar seu uso nos bares nas noites de são paulo, seu mercado para ser um ótimo investimento por esses tempos.

Ícone de esboço Este artigo sobre drogas lícitas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.