Cincinnati Bengals

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Andy Dalton, atual QB dos Bengals.

O Cincinnati Bengals é um time profissional de futebol americano localizado em Cincinnati, Ohio, Estados Unidos. É membro da American Football Conference da National Football League. O time foi fundado em 1968, ainda na extinta American Football League.[1]

Disputou duas vezes o Super Bowl: XVI (1981) e XXIII (1988), perdendo ambos para o San Francisco 49ers. Após seu segundo Super Bowl, o time entrou em uma fase de declínio, amargando quatorze anos sem ir para os playoffs. Recentemente voltou a conquistar bons resultados, se classificando para a pós-temporada seis vezes nos últimos sete anos (2009, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015).

Desde 2000, mandam seus jogos no Paul Brown Stadium, e atualmente seus melhores jogadores no time são: Andy Dalton, A.J. Green, Tyler Eifert e Andrew Whitworth. Tem como mascote o simpático "Who Dey". Seus três maiores rivais são: Cleveland Browns, Pittsburgh Steelers e Baltimore Ravens. Seus maiores ídolos são: Anthony Muñoz, Paul Brown, Ken Anderson, Bob Trumpy e Chad Johnson.

Cheerleaders dos Bengals em 2007.

Principais Conquistas[editar | editar código-fonte]

  • Campeões da Liga: —
  • Super Bowl: —
  • Campeões da Conferência: 2 (1981, 1988)
  • Campeões da Divisão: 9
    • AFC Central: 1970, 1973, 1981, 1988, 1990
    • AFC North: 2005, 2009, 2013, 2015

Referências

  1. «History - Cincinnati Bengals». www.bengals.com. Consultado em 2016-01-02.