Cinematográfica Araújo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Cine Araujo)
Ir para: navegação, pesquisa
Cinematográfica Araújo
Empresa Cinematográfica Araçatuba Ltda.
Tipo Sociedade limitada
Indústria Cinematográfica
Fundação 1926 (90 anos)
Fundador(es) Azor de Araújo
Sede Rua João Passos, 702 – Centro, Botucatu, São Paulo SP,  Brasil
Áreas servidas Acre, Amazonas, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio de Janeiro, Rondônia, Roraima e São Paulo
Presidente Marcos Silva Araújo
Produtos Exibição de produções cinematográficas
Subsidiárias 29 complexos de cinemas, perfazendo 144 salas
Página oficial www.cinearaujo.com.br

A Cinematográfica Araújo, também conhecia como Cine Araújo, é uma empresa privada, operadora de uma rede brasileira de cinemas, sediada na cidade de Botucatu[1]. Seu parque exibidor é formado por 144 salas de exibição em 29 complexos, média de 4,96 salas por complexo, espalhadas em 28 cidades de 10 unidades da federação de quase todas as regiões do país, com exceção da Região Nordeste.[2]

História[editar | editar código-fonte]

Foi fundada em 1926 pelo exibidor Azor de Araújo[3] e está sediada na cidade de Botucatu, interior de São Paulo. Inicialmente chamava-se Empresa exibidora Araújo Passos, sendo que em 1998 houve uma divisão que originou as empresas Cinematográfica Passos, conhecida pelo nome de Moviecom[4] e a Cinematográfica Araújo, mais conhecida como Cine Araújo.[5]

De acordo com o site especializado em cinema FilmeB, o Cine Araújo ocupou o sexto lugar nos anos de 2004 e 2005[6], entre as maiores empresas exibidoras brasileiras, por número de salas. No primeiro trimestre de 2015, a empresa alcançou o quarto, de acordo com a ANCINE[7]. Dentre os destaques da rede, está a primeira sala com exibição 3D no interior de São Paulo[8], as primeiras salas VIP interioranas e as maiores telas de cinema do país, superando as dimensões tecnologia IMAX, denominadas Max Screen[9].

Com relação à digitalização (processo de substituição dos projetores de película 35mm por equipamentos digitais), a empresa atingiu 100% de suas salas, conforme informe de acompanhamento de mercado da Agência Nacional de Cinema - ANCINE.[10] [7] Este mesmo relatório aponta o Cine Araújo como a 4ª maior rede de cinema do Brasil por número de salas[7].

A empresa é de gestão familiar e o seu atual presidente, Marcos Silva Araújo, é da terceira geração da mesma família do seu fundador[11].

Público[editar | editar código-fonte]

Até a chegada e consolidação da Cinépolis no país, a Cine Araujo ocupava a terceira posição (com Cinemark em primeiro e Kinoplex/Severiano Ribeiro em segundo) entre os maiores exibidores do país por público, passado ao quarto lugar a partir de 2013. Abaixo a tabela de público e sua evolução de 2008 a 2014, considerando o somatório de todas as suas salas a cada ano. A variação mencionada se refere à comparação com os números do ano imediatamente anterior. Os dados foram extraídos do banco de dados Box Office do portal de cinema Filme B.[12] [13]

Ano Público

total

Ranking

no país

Market

Share

Variação
2008 5.263.517 6,15% ano-base
2009 7.081.600 6,27% Aumento34,54%
2010 8.246.724 6,11% Aumento16,45%
2011 8.533.686 6,02% Aumento3,48%
2012 9.952.429 6,68% Aumento16,63%
2013 11.032.570 7,3% Aumento10,85%
2014 10.948.390 6,98% Baixa0,76%

Complexos[editar | editar código-fonte]

Acre Acre[editar | editar código-fonte]

Rio Branco
  • Multiplex Via Verde - 4 Salas

Amazonas Amazonas[editar | editar código-fonte]

Manaus
  • Multiplex Shopping Via Norte - 6 Salas 1 Sala Vip

Rio de Janeiro Espírito Santo[editar | editar código-fonte]

Serra
  • Multiplex Mestre Álvaro - 5 Salas

Mato Grosso do Sul Mato Grosso[editar | editar código-fonte]

Cuiabá
  • Multiplex Pantanal - 8 Salas 2 salas Vip

Mato Grosso do Sul Mato Grosso do Sul[editar | editar código-fonte]

Dourados
  • Multiplex Avenida - 3 Salas

Paraná Paraná[editar | editar código-fonte]

Londrina
  • Multiplex Cautaí, - 7 Salas 1 sala Vip
Maringá
  • Multiplex Cautaí Maringá - 5 Salas 1 sala Vip
  • Cine Avenida - 5 Salas
Ponta Grossa
  • Multiplex Palladium - 4 Salas

Rio de Janeiro Rio de Janeiro[editar | editar código-fonte]

Cabo Frio
  • Multiplex Park Lagos - 4 Salas 1 sala 3D e 1 sala Max Screen 3D
Campos dos Goytacazes
  • Multiplex Boulevard - 5 Salas 2 salas Max Screen 3D
Duque de Caxias
  • Cine Duque - 6 Salas (3 salas 3D)
Rio de Janeiro
  • Multiplex Jardim Guadalupe - 5 Salas 1 sala 3D, 1 sala Max Screen e 1 sala Max Screen 3D

Rondônia Rondônia[editar | editar código-fonte]

Porto Velho
  • Cine Araújo Porto Velho - 5 Salas 2 salas 3D

Roraima Roraima[editar | editar código-fonte]

Boa Vista
  • Multiplex Pátio Roraima - 5 Salas - inaugurado em 26/02/2015[14] - 1 Sala Vip

São Paulo São Paulo[editar | editar código-fonte]

Araçatuba
  • Cine Araçatuba - 3 Salas
Bauru
  • Multiplex Bauru Shopping - 5 Salas
Botucatu
  • Multiplex Boulevard Botucatu - 3 Salas 1 sala Vip
    • Inaugurado em 23 de junho de 2016[15]
Campinas
  • Multiplex Parque das Bandeiras - 6 Salas 1 sala Vip
Itu
  • Cine Plaza Shopping - 3 Salas
Mauá
  • Multiplex Plaza Shopping - 5 Salas
Piracicaba
  • Cine Shopping Piracicaba - 7 Salas 1 sala Vip
São Carlos
  • Cine Iguatemi - 3 Salas
São José do Rio Preto
  • Multiplex Rio Preto - 7 Salas 1 sala Vip
São Paulo
  • Multiplex Campo Limpo - SP - 5 Salas
Sorocaba
  • Multiplex Shopping Cidade - 6 Salas 2 salas Vip
  • Multiplex Pátio Cianê - 5 Salas 1 sala Vip
Taboão da Serra
  • Multiplex Shopping Taboão - 5 Salas

Antigos Complexos[editar | editar código-fonte]

Mato Grosso do Sul Mato Grosso do Sul[editar | editar código-fonte]

Campo Grande
  • Araújo Cine Campo Grande - 2 Salas
    • inaugurado em 25/02/1988 e encerrado em 29/11/2012[16]

São Paulo São Paulo[editar | editar código-fonte]

Americana
  • Cine Araujo Welcome Center - 2 salas
    • inaugurado em 1997 e encerrado 20/09/2009
Bauru
  • Cine Araujo Bauru - 2 salas (cinema de rua)
    • inaugurado em 26/03/1938 e encerrado em 07/01/2008
Botucatu
  • Cine Nelli - 1 Sala (cinema de rua)
    • inaugurado em 29/01/1964 e encerrado 25/06/2014[17]
São José do Rio Preto
  • Araújo Cine Palazzo - 1 Sala
    • encerrado 03/03/2011[18]

Referências

  1. «Filme B - Revista» (PDF). Setembro de 2014. Consultado em 05/08/2015. 
  2. «Cinematografica Araujo». www.cinearaujo.com.br. Consultado em 2015-07-26. 
  3. «Marcos Silva Araújo | Filme B - o maior portal sobre o mercado de cinema no Brasil». www.filmeb.com.br. Consultado em 2015-07-26. 
  4. «Corporativo | Moviecom: viva o cinema». www.moviecom.com.br. Consultado em 2015-07-26. 
  5. «Cinema do Pátio Roraima Shopping inaugura nesta quinta-feira». www.bvnews.com.br. Consultado em 2015-07-29. 
  6. «Marcos Silva Araújo | Filme B - o maior portal sobre o mercado de cinema no Brasil». www.filmeb.com.br. Consultado em 2015-07-26. 
  7. a b c Luciana Buchala e Luana Maíra R. A. da Silva (Maio de 2015). «ANCINE - INFORME DE ACOMPANHAMENTO DO MERCADO» (PDF). Consultado em 07/08/2015. 
  8. http://www.cinearaujo.com.br/quemsomos.asp
  9. http://correio.rac.com.br/_conteudo/2012/12/entretenimento/17192-parque-das-bandeiras-inaugura-suas-salas-de-cinema.html
  10. Thiago Stivaletti (07/05/2015). «Filme B - Notícias». Consultado em 07/08/2015. 
  11. «Marcos Silva Araújo | Filme B - o maior portal sobre o mercado de cinema no Brasil». www.filmeb.com.br. Consultado em 2015-07-26. 
  12. «Filme B - o maior portal sobre o mercado de cinema no Brasil». www.filmeb.com.br. Consultado em 2015-09-19. 
  13. «Identificação - Box Office Brasil». www.filmebboxofficebrasil.com. Consultado em 2015-10-17. 
  14. «Cinema do Pátio Roraima Shopping inaugura nesta quinta-feira». www.bvnews.com.br. Consultado em 2015-07-29. 
  15. «Em poucos dias Botucatu terá um dos melhores cinemas do país; o Acontece Botucatu foi conhecer as novas salas». 2016-06-09. Consultado em 2016-07-17. 
  16. http://www.dothnews.com.br. «Depois de 20 anos, último cinema fecha». www.correiodoestado.com.br. Consultado em 2015-08-09. 
  17. «Cine Nelli encerra oficialmente as atividades». Consultado em 2015-08-09. 
  18. «Diario da Região». Diario da Região. Consultado em 2015-08-09. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]