Cio (cidade)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Não confundir com a cidade atual de Bursa, outrora também conhecida como Prusa
Cio
Cius/Kίος
Localização atual
Cio está localizado em: Turquia
Cio
Localização de Cio na Turquia
Coordenadas 40° 25' 54" N 29° 09' 22" E
País  Turquia
Região Mármara
Província Bursa
Dados históricos
Abandono -
Início da ocupação Antiguidade Clássica
Civilização Grega
Notas
Acesso público Sim
Cius coin

Cio (em grego: Kίος; transl.: Kios; em latim: Cius), também chamada de Prusa ou Prúsia no Mar (Prusias ad Mare) em honra a Prúsias I da Bitínia ou "Cio da Mísia" por Heródoto e Xenofonte,[1] foi uma antiga cidade grega situada na costa do mar de Mármara, na região da Bitínia.[2] Pouco resta atualmente da cidade, situada a leste da moderna cidade turca de Gemlik, na província de Bursa.[3]

Tradicionalmente, diz-se que foi colonizada por milésios.[4] A história mitológica conta que Hilas, um do companheiros de Héracles, foi raptado pelas ninfas até o sopé do monte Argantônio, onde a cidade foi fundada; também Cio, outro acompanhante, ali fez uma pausa quando retornava de Cólquida e fundou a cidade que lhe tomou o nome. Plínio menciona que lá corria um par de rios com o nome dos personagens mitológicos.[2]

A cidade de Cio foi tomada pelo general persa Himes, depois de incendiar Sardes em 499 a.C..[5] Filipe V da Macedônia conquistou a cidade e entregou-a a Prúsias I da Bitínia, que foi o responsável por reconstruí-la e rebatizá-la com o seu nome.[6][7] Durante o período romano, vários autores greco-romanos como Plínio, o Velho, Pompônio Mela e Zósimo fazem referência a cidade com seu nome original, o que talvez indique a retomada do nome anterior.[2] Durante a Idade Média, Cio abrigou a fortaleza de Cibotos.[3]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Estrabão (século I). Geografia. [S.l.: s.n.] 
  • Finlay, George (2014). A History of Greece. [S.l.]: Cambridge University Press. ISBN 1108078354 
  • Heródoto (século V a.C.). Histórias. [S.l.: s.n.] 
  • Políbio (século V a.C.). Histórias. [S.l.: s.n.] 
  • Smith, William (1854). Dictionary of Greek and Roman Geography. [S.l.: s.n.] 
  • Xenofonte (século IV a.C.). Helênicas. [S.l.: s.n.]