Circuito Turístico Villas e Fazendas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Antiga estação ferroviária de Cristiano Otoni.

Villas e Fazendas é um circuito turístico do estado brasileiro de Minas Gerais.

Localização[editar | editar código-fonte]

Localizado na confluência das mesorregiões da Zona da Mata e Metropolitana de Belo Horizonte, o circuito é constituído por nove municípios: Caranaíba, Casa Grande, Conselheiro Lafaiete, Cristiano Otoni, Itaverava, Queluzito, Rio Espera, Santana dos Montes e Senhora de Oliveira.[1]

Transporte[editar | editar código-fonte]

O transporte rodoviário chegou à região entre 1722 e 1725 quando foi estabelecido o Caminho Novo da Estrada Real, que ligava Ouro Preto ao Rio de Janeiro.[2] Hoje, as principais rodovias que integram os municípios do circuito são as federais BR-040 e BR-482 e as estaduais MG-275 e MG-443.[3] O circuito é servido ainda pelo Aeroporto de Conselheiro Lafaiete.[4]

O transporte ferroviário, por sua vez, chegou à região em dezembro de 1883 com a inauguração das estações de Cristiano Otoni[5] e Conselheiro Lafaiete.[6]

Patrimônio histórico[editar | editar código-fonte]

Dentre os conjuntos paisagísticos do circuito que constituem o patrimônio histórico tombado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais incluem-se o Sítio da Varginha do Lourenço, em Conselheiro Lafaiete[7] e a Fazenda dos Macacos, em Cristiano Otoni.[8]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Listagem dos Circuitos Turísticos» (PDF). Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais. p. 14. Consultado em 5 de agosto de 2017. Arquivado do original (PDF) em 12 de maio de 2013 
  2. «Caminho Novo». Instituto Estrada Real. Consultado em 31 de março de 2013. Arquivado do original em 7 de agosto de 2012 
  3. «Villas e Fazendas». Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais. Consultado em 31 de março de 2013 
  4. «Conselheiro Lafaiete Airport» (em inglês). Consultado em 31 de março de 2013 
  5. «E. F. Dom Pedro II». Consultado em 31 de março de 2013 
  6. «E. F. Central do Brasil». Consultado em 31 de março de 2013 
  7. «Igreja do Espírito Santo do Cerrado». Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais. Consultado em 31 de março de 2013 [ligação inativa]
  8. «Fazenda dos Macacos». Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais. Consultado em 31 de março de 2013 



Ícone de esboço Este artigo sobre Turismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.