Clio Awards

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

É considerado um dos mais famosos prêmios da publicidade internacional. O Clio Awards foi criado em 1959 por Wallace A. Ross, para reconhecer a excelência criativa no campo da propaganda. A partir de 1965, o evento, antes restrito ao mercado norte-americano, começou a avaliar trabalhos internacionais. Em 1972, Bill Evans adquire direitos sobre o festival, construindo o status da competição até o final dos anos 80. Em 1991, o Clio Awards passa para as mãos de Ruth Ratny, publisher da Screen Magazine, de Chicago, sendo por ela revendido no ano seguinte a Jim Smyth. Em 1997, Smyth negocia o prêmio junto a BPI Communications em Nova Iorque, uma subsidiária do conglomerado de mídia e pesquisa alemão VNU. O prestígio do prêmio Clio foi muito abalado devido a sua irregularidade em realização. Desde 2001, o prêmio é realizado em meados de maio, no Art Déco de South Miami Beach, Flórida, durante quatro dias, englobando palestras, exposições dos trabalhos concorrentes nas categorias TV, mídia impressa, outdoor, rádio, mídia integrada, design, internet e trabalho estudantil.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]