Clorito de sódio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Clorito de sódio
Alerta sobre risco à saúde
Nome IUPAC Sodium chlorite
Outros nomes Clorato (III) de sódio
Identificadores
Número CAS 7758-19-2
Número RTECS VZ4800000
Propriedades
Fórmula molecular NaClO2
Massa molar 90.44 g.mol-1
Aparência sólido branco
Densidade 2.5 g/cm3, sólido
Ponto de fusão

180–200 °C decomp.

Solubilidade em água 39 g/100 ml (17 °C)
Riscos associados
Classificação UE not listed
NFPA 704
NFPA 704.svg
0
1
1
OX
Ponto de fulgor não inflamável
Compostos relacionados
Outros aniões/ânions Cloreto de sódio
Hipoclorito de sódio
Clorato de sódio
Perclorato de sódio
Outros catiões/cátions Clorito de potássio
Clorito de bário
Compostos relacionados Dióxido de cloro
Ácido cloroso
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

O clorito de sódio é um composto químico de fórmula química NaClO2.

Aplicações[editar | editar código-fonte]

A principal aplicação do clorito de sódio é o branqueamento e descascar de fibras têxteis, polpa de celulose e papel. É também usado para desinfecção de algumas instalações públicas de água após a conversão a dióxido de cloro. Uma vantagem nesta aplicação, em comparação a mais usual pelo cloro, é que trihalometanos não são produzidos dos contaminantes orgânicos. Clorito de sódio, também encontra aplicação como um componente em rinses terapêuticos, anti-sépticos bucais, cremes e géis dentais, sprays e pastilhas bucais, gomas de mascar "cloradas", e também em soluções para a limpeza de lentes de contato sob a nome comercial de purite.[1]

Obtenção[editar | editar código-fonte]

O clorito de sódio é derivado indiretamente do clorato de sódio, NaClO3. É obtido, primeiramente, pela obtenção do explosivamente instável gás dióxido de cloro, ClO2 que é produzido pela redução de clorato de sódio em um ácido forte com um agente redutor apropriado (por exemplo, cloreto de sódio, dióxido de enxofre, ou ácido clorídrico). O dióxido de cloro é então absorvido com uma solução alcalina, de hidróxido de sódio, tendo também como produto esta reação, o clorato de sódio (NaClO3):

2 ClO2 + 2 NaOH NaClO2 + NaClO3 + H2O

Também pode ser obtido com a reação dos mesmos reagentes da reação anterior, com o acréscimo do peróxido de hidrogênio (H2O2) como agente redutor:[2]

2 ClO2 + 2 NaOH + H2O2 2 NaClO2 + O2 + H2O

Observação: Os correspondentes sais de metais pesados (Ag+, Hg+, Tl+, Pb2+, e também Cu2+ e NH4+) decompõe-se explosivamente com calor ou choque.

Referências

  1. «ACIDIFIED SODIUM CHLORITE (ASC) Chemical and Technical Assessment» (PDF) 
  2. Holleman, Wiberg, Lehrbuch der Anorganischen Chemie, deGruyter Verlag, 101. Auflage, S. 477 (em alemão)
Ícone de esboço Este artigo sobre um composto inorgânico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.