Coco ralado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Coco ralado

Coco ralado é um ingrediente comumente utilizado nas cozinhas da Ásia e da América, sendo geralmente usado em laticínios, sorvetes, panificação, confeitaria e doceria.[1]

Sua produção se dá a partir de amêndoas raladas e secas de coco seco que são desintegradas, parcialmente desengorduradas (através da retirada do leite de coco) e secas.[2] Em média, um coco seco rende 125 gramas de coco ralado integral, que, por sua vez, pode ser utilizado na produção de coco ralado desidratado.[3]

O aroma e o sabor de coco ralado são atribuídos ao seus açúcares e óleos. O coco ralado é um produto normalmente encontrado na maioria dos supermercados do mundo, embalados em latas e sacos pequenos, ou em sacas de 20 a 50 kg quando disponível como insumo industrial.

Os maiores produtores mundiais de coco são Indonésia, Filipinas, Índia e Brasil. Estima-se que a cadeia produtiva do coco ralado represente, apenas no Brasil, 12 mil empregos diretos e envolva de recursos de aproximadamente R$ 1 bilhão.[4]

Referências

  1. Teixeira, S. Produção de coco: uma viável alternativa de renda. CPT. Acessado em 25/12/2015
  2. Processamento e estabilidade do coco ralado doce e extra-úmido. Ciên Agron, Fortaleza, 20(1/2) pág 119-127 junho-dezembro/1989
  3. O maior coqueiral do mundo Revista Globo Rural, publicado em 07/05/2013
  4. Portal Brasil - Coco ralado é colocado em lista de exceção da tarifa externa para proteger produção nacional Publicado em 11/05/2012