Codex Angelicus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Manuscritos do Novo Testamento
PapirosUnciaisMinúsculosLecionários
Uncial 020
Nome Angelicus
Sinal Lap
Texto Atos, Epístolas católicas, Epístolas paulinas
Data século 9
Escrito grego
Agora está Biblioteca Angelica
Tamanho 27 x 21.5 cm
Tipo Texto-tipo Bizantino
Categoria V
Nota membro da Família E


Codex Angelicus designado por Lap ou 020 (Gregory-Aland), α 5 (von Soden), é um manuscrito uncial grego do Novo Testamento. A paleografia tem datado ele para o século 9.[1] Outrora era conhecido como Codex Passionei.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Kurt Aland and Barbara Aland, "The Text of the New Testament: An Introduction to the Critical Editions and to the Theory and Practice of Modern Textual Criticism", transl. Erroll F. Rhodes, William B. Eerdmans Publishing Company, Grand Rapids, Michigan, 1995, p. 113.

Leitua recomendada[editar | editar código-fonte]

  • Bernard de Montfaucon, „Palaeographia Graeca", (Paris, 1708).
  • G. Mucchio, "Studi italiani di filologia classica" 4, Index Codicum Bibliothecae no. 39 (Florence, 1896), pp. 7–184.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]