Colinas do Tocantins

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde janeiro de 2013). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Município de Colinas do Tocantins
Bandeira de Colinas do Tocantins
Brasão indisponível
Bandeira Brasão indisponível
Hino
Aniversário 21 de abril
Fundação 21 de abril de 1960
Gentílico colinense
Prefeito(a) Adriano Rabelo (PRB)
Localização
Localização de Colinas do Tocantins
Localização de Colinas do Tocantins no Tocantins
Colinas do Tocantins está localizado em: Brasil
Colinas do Tocantins
Localização de Colinas do Tocantins no Brasil
08° 03' 32" S 48° 28' 30" O08° 03' 32" S 48° 28' 30" O
Unidade federativa Tocantins
Mesorregião Ocidental do Tocantins IBGE/2008[1]
Microrregião Araguaína IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Ao norte, Nova Olinda e Bandeirantes do Tocantins; A leste com Palmeirante e Tupiratins; ao sul com Presidente Kennedy e, a oeste, com Bandeirantes do Tocantins
Distância até a capital 274 km
Características geográficas
Área 843,840 km² [2]
População 34 839 hab. (TO: 7º) –  estatísticas IBGE/2017[3]
Densidade 41,29 hab./km²
Altitude 227 m
Clima Tropical Úmido
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,701 (TO: 9º) – elevado PNUD/2010[4]
PIB R$ 577 268,50 mil IBGE/2015[5]
PIB per capita R$ 16 987,98 IBGE/2015[5]
Página oficial
Prefeitura colinas.to.gov.br

Colinas do Tocantins é um município brasileiro do estado do Tocantins.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 08º03'33" sul e a uma longitude 48º28'30" oeste, estando a uma altitude de 227 metros. De acordo com o Censo Demográfico de 2018 do IBGE, com referência a 1 de julho do mesmo ano, estima-se uma população de 43.678 habitantes. Possui uma área de 844 km².

Cultura[editar | editar código-fonte]

A cultura de Colinas é bastante heterogênea e está ligada principalmente a festas como festejos de Nossa Senhora Aparecida e São Sebastião, Folia de Reis, Catira, Moda de Viola, vaquejada, Festival de Música (sacra e popular). Na culinária, destacam-se pratos como frango com pequi, dobradinha, guariroba, bacaba e cajuzinho do campo. O Departamento Municipal de Cultura e Arte também oferece aulas de dança, música, palestras e cursos com o objetivo de ampliar o campo das oportunidades das políticas culturais e permitir uma produção cultural capaz de gerar renda.

Turismo[editar | editar código-fonte]

O turismo em Colinas está ligada ao turismo de eventos, como a exposição agropecuária Fenecol (Feira de Negócios de Colinas) e a feira de artesanato Fecoart. Pontos turísticos são o Rio Pombas, o Córrego Tapuio e as praias dos rios Araguaia e Tocantins em municípios próximos.

Educação[editar | editar código-fonte]

Em Colinas do Tocantins situa-se a instituição Faculdade Integrada de Ensino Superior de Colinas do Tocantins (FIESC, de caráter público municipal), que oferece os cursos de Bacharelado em Enfermagem , Direito, Psicologia, Ciências Contábeis e Serviço Social, bem como Licenciatura em Geografia, História, Letras e Pedagogia, além do curso técnologo em Logística Universidade Norte do Paraná (Unopar, de caráter EAD particular que oferece os cursos de Bacharelado em Educação Física, Engenharia Civil, Administração, Agronomia, Fisioterapia, Ciências Contábeis,. O Instituto Federal do Tocantins (IFTO) instalou o campus Colinas do Tocantins no dia 11 de junho de 2014, ofertando cursos técnicos de nível médio de Agropecuária, Informática e superior de Licenciatura em Computação.

Esporte[editar | editar código-fonte]

Colinas Esporte Clube é um dos clubes do município. O Estádio Antônio Neto, também conhecido por Bigodão, é um estádio de futebol localizado na cidade de Colinas do Tocantins. Pertence ao governo municipal e tem capacidade para 1.200 pessoas.[6] O município conta também com a Associação Atlética Banco do Brasil (AABB), a qual disponibiliza campo de futebol para jogos amadores de seus associados.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • NUNES, Heliane Prudente (1984). A era rodoviária em Goiás. Dissertação de Mestrado. UFG. Goiânia: [s.n.] 
  • AQUINO, Napoleão Araújo (1996). A Construção da Belém-Brasília e a modernidade no Tocantins. Dissertação de Mestrado. UFG. Goiânia: [s.n.] 
  • SILVA, Iltami Rodrigues; VINHAL, Maria do Carmo (2008). À Sombra da Estrada – A Belém-Brasília e a fundação de Colinas / 1960-1965. 1 ed. Araguaína: Ipiranga 

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010. 
  3. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (30 de agosto de 2017). «Estimativas da população residente no Brasil e unidades da federação com data de referência em 1º de julho de 2017» (PDF). Consultado em 30 de agosto de 2017. 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 15 de fevereiro de 2014. 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios de 2015». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 26 de julho de 2018. 
  6. CBF

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do Tocantins é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.