Combate da Ponte da Azenha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Combate da Ponte da Azenha foi o movimento bélico inicial da Revolução Farroupilha. Ocorrido na noite de 19 para 20 de setembro de 1835 marcou a tomada de Porto Alegre pelos farroupilhas. A Ponte da Azenha estava guardada por uma patrulha militar do governo provincial com duzentos homens a cavalo, chefiados pelo Visconde de Camamu, previamente avisados que poderia ocorrer o movimento. As forças revolucionárias contavam com trinta homens a cavalo naquele momento naquele local. Durante o combate, Cabo Rocha feriu a coxa de Camamu, que fugiu a pé para a sede do governo e a resistência à entrada dos farroupilhas se desfez.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Fischer, Luís Augusto. Cabo Rocha o destemido. Jornal Zero Hora. Porto Alegre. Edição de 19 de setembro de 2009, p 45.