Commelina benghalensis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Como ler uma infocaixa de taxonomiaCommelina benghalensis
ARS - Commelina benghalensis.jpg
Classificação científica
Reino: Plantae
Clado: angiospérmicas
Clado: monocotiledóneas
Ordem: Commelinales
Família: Commelinaceae
Género: Commelina
Espécie: C. benghalensis
Nome binomial
Commelina benghalensis
L.

Commelina benghalensis, também conhecida como Trapoeraba, andaca, andacá, andarca, erva-de-santa-luzia, maria-mole, marianinha-branca ou rabo-de-cachorro, é uma espécie de planta com flor pertencente à família Commelinaceae.

A autoridade científica da espécie é L., tendo sido publicada em Species Plantarum 1: 41. 1753.[1]


Distribuição geográfica[editar | editar código-fonte]

É originária do Sudeste Asiático, mas encontra-se amplamente distribuída pelo globo como planta infestante. No Brasil, está presente Norte (Roraima, Pará, Acre, Rondônia), Nordeste (Maranhão, Ceará, Pernambuco, Bahia, Alagoas), Centro-Oeste (Mato Grosso, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul), Sudeste (Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo, Rio de Janeiro), Sul (Paraná, Rio Grande do Sul) (AONA, 2010).

Portugal[editar | editar código-fonte]

Trata-se de uma espécie presente no território português, nomeadamente no Arquipélago da Madeira.

Em termos de naturalidade é introduzida na região atrás indicada.

Protecção[editar | editar código-fonte]

Não se encontra protegida por legislação portuguesa ou da Comunidade Europeia.

Referências

  1. Tropicos.org. Missouri Botanical Garden. 7 de Outubro de 2014 <http://www.tropicos.org/Name/8300281>

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre plantas é um esboço relacionado ao Projeto Plantas. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.