Companhia de Armazéns e Silos do Estado de Minas Gerais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

A CASEMG foi uma sociedade de economia mista com mais de meio século de sucesso em armazenagem e transbordo. Federalizada em setembro de 2000 e vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, atua com ênfase em parcerias, viabilizando soluções para ampliar a competitividade do agronegócio e sua ação social.

História[editar | editar código-fonte]

Através da Lei Estadual nº 1.643, de 6 de setembro de 1.957, sancionada pelo então Governador de Minas Gerais Senhor José Francisco Bias Fortes, foi criada a Companhia de Armazéns e Silos do Estado de Minas Gerais - CASEMG, Sociedade de Economia Mista, tendo como objetivo atender a demanda e falta de locais para armazenamento de produtos agrícolas. Incorporando os armazéns da Companhia de Armazéns Gerais de Produção de Minas pela quantia de CR$ 42.968.349,00 (quarenta e dois milhões, novecentos e sessenta e oito mil, trezentos e quarenta e nove cruzeiros), as primeiras unidades armazenadoras estavam localizadas nos municípios de Aimorés, Resplendor, Teófilo Otoni, Poté, Três Rios/RJ, Cisneiros, Governador Valadares, Rio Casca, Araguari, Belo Horizonte, Uberlândia e Uberaba. O governo anunciou em 2021, que fechou as portas da estatal Companhia de Armazéns e Silos do Estado de Minas Gerais (Casemg). O processo de extinção da companhia, chamado tecnicamente de liquidação, demorou dois anos.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.