Comparação entre futebol americano e rugby

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox question.svg
Esta página ou seção carece de contexto (desde novembro de 2012).

Este artigo (ou seção) não possui um contexto definido, ou seja, não explica de forma clara e dire(c)ta o tema que aborda. Se souber algo sobre o assunto edite a página/seção e explique de forma mais clara e objetiva o tema abordado.

Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

O esporte[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
É jogado originalmente na cidade inglesa de Rugby provavelmente em 1823 de onde surgiu seu nome Rugby Football (futebol jogado em Rugby) É controlado pela IRB. Surgiu de uma variação do Rugby Football em 1867, o atual rugby controlado pela NFL
Disputado em 120 países, é extremamente popular na Inglaterra, Escócia, Irlanda, País de Gales, França, Itália, África do Sul, Austrália, Nova Zelândia, Argentina, Uruguai, Madagascar, Namíbia, Tonga, Samoa, Fiji e Japão. É popular quase que exclusivamente nos Estados Unidos e no Canadá
Possui grandes campeonatos nacionais de clubes (como o inglês, o francês e o Sul Africano), grandes campeonatos internacionais de clubes (como o PRO12 e o Super Rugby) e a Copa Européia. Há grandes campeonatos internacionais de seleções como o Six Nations e Rugby Championship, dando destaque a Copa do Mundo, o 3º evento esportivo mais visto do mundo. Os grandes campeonatos limitam-se a praticamente competições nacionais nos Estados Unidos (NFL), recentemente vem ganhando simpatia a competição européia (NFL Europa, que teve sua última edição em 2007), e a única competição entre países de confidentes específicos (PCE) é a Copa do Mundo que não é considerado um grande evento quando se compara ao Futebol (Soccer) ou Rugby.

O campo[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
pode ser grama natural ou artificial tanto faz do gosto Pode ser de grama natural ou artificial
O campo tem 150 metros de comprimento por 90 metros de largura O campo tem 120 jardas (109,73m) de comprimento por 53 1/3 jardas (48,7679m) de largura
O campo é dividido por 5 linhas paralelas às linhas de gol: central, de 10 metros – de cada lado da linha central –, de 22 metros – a partir de cada linha de in-goal O campo é dividido em 20 zonas de 5 jardas (4,55 metros) de largura cada
A in-goal area tem comprimento mínimo de 10 metros e máximo de 22 metros em cada lado A endzone tem comprimento de 10 jardas (9,1 metros) em cada lado
Os postes são em formato de 'H' com o travessão a 3 metros de altura em relação ao solo e as traves verticais distantes entre si 5,6 metros Os postes são em formato de 'Y' com o travessão a 10 pés (3,048m) de altura em relação ao solo e as traves verticais distantes entre si 18'6" (5,6388m)

A bola[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
formato oval pontudo pintado de um laranja meio escuro Com formato oval mais pontudo, geralmente na cor laranja com 30 cm de comprimento por 18 cm de largura (menor), inflada entre 86 e 93 kPa (mais dura), pesando entre 200 e 400 gramas (mais leve), feita de couro similar a bola de basquete

O time[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
São 15 jogadores titulares mais até 7 reservas ou 7 jogadores titulares e até 6 reservas na modalidade de sevens É dividido em 2 times de 11 jogadores cada, um apenas para atacar, o outro só com defensores, além de reservas em número equivalente para cada um deles, bem como membros à parte, os especialistas - utilizados nas ocasiões de punt, field goal e extra-point. O número total de jogadores chega perto de 60 nas equipes da NFL

Equipamento[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
Usa-se proteções flexíveis feitas de espuma como scrum cap (um tipo de capacete flexível), ombreira (um tipo de colete flexível) e mordedora. Luvas também podem ser usadas Usa-se proteções rígidas geralmente feitas de plástico, espuma e alumínio como capacete, shoulder pads (proteção para a região dos ombros), hip pads (proteção para a região da coxa). Luvas sem dedos também podem ser usadas

Tempo[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
O jogo é dividido em 2 tempos de 40 minutos corridos (exceto quando algum jogador é atendido) mais acréscimos. O jogo é dividido em 4 quartos de 15 minutos cronometrados. O relógio para de jogada em jogada. Para o relógio parar, o jogador com a posse da bola tem que sair de campo ou tocar com os joelhos no chão. Assim que a jogada para, as equipes têm 40 segundos para recomeçar a jogada.

Chute Inicial (kick-off)[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
No início de cada tempo uma das equipes chuta a bola do ponto central do campo em direção à meta adversária. A bola deve percorrer 10 metros antes de ser tocada por qualquer jogador, e pode – como ocorre freqüentemente – ser dominada pelos jogadores da equipe que acabou de chutar No início do 1º e do 3º quartos uma das equipes chuta a bola de sua linha de 35 jardas em direção à meta adversária. A bola deve percorrer 10 jardas antes de ser tocada por qualquer jogador, e pode ser dominada pelos jogadores da equipe que acabou de chutar, entretando esse lance é muito raro, pois geralmente a equipe que dá a saída é formada por defensores (cujo objetivo é tacklear o adversário, impedindo seu avanço e sempre na esperança de um fumble), e pelo alto risco da possibilidade de perder a posse da bola ainda em seu campo defensivo, deixando o adversário mais perto do touchdown.
Após a ocorrência de qualquer alteração no placar, a equipe que sofreu pontos deve dar novo kick-off. Após a ocorrência de qualquer alteração no placar, a equipe que marcou pontos deve dar novo kick-off. Ocorre que é possível a marcação de pontos contra a própria meta (safety), e nesse caso a equipe que não ganhou os pontos dá nova saída da sua linha de 20 jardas

Tackles[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
Apenas o jogador com a bola pode ser tacleado (derrubado), qualquer toque em algum jogador sem posse de bola é considerado falta Apenas o jogador com a bola pode ser tacleado (derrubado), mas os defensivos podem ficar segurando os ofensivos (o contrário é proibido)
Quando um jogador é tacleado (derrubado) ele deverá imediatamente soltar a bola e tem-se a formação de um ruck, mas o jogo continua ativo Quando um jogador é tacleado (derrubado) o jogo é parado e marca-se um down, após isso o juiz coloca a bola na mesma linha paralela no meio do campo e é dado um tempo de até 40 segundos para se recomeçar a jogada.

Avançando[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
O jogador avança correndo segurando a bola podendo fazer dribles até com os pés, não existe distância mínima a ser percorrida. O ataque tem 4 chances de jogada para avançar 10 jardas, e assim ganhar 4 novas chances, até conseguir chegar à end zone adversária, marcando um touchdown. Por exemplo "2nd and 7" significa que o ataque está na segunda tentativa e que ainda faltam 7 jardas para completar o avanço. Caso o ataque não consiga atingir o objetivo em 3 tentativas, eles dão geralmente um "chutão" (punt) para frente e perdem a posse de bola, passando de atacantes a defensores, mas também podem forjar um chute (fake punt) e fazer a sua última tentativa de avanço pelo passe normal com as mãos. Quando estão próximos da end zone, em vez de punt, tentam o field goal, que é uma das formas de pontuação

Passes com as mãos[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
Só é permitido passes com as mãos para trás ou lateralmente à linha da bola em uma unica direção até que o jogador seja derrubado, chute a bola ou chegue na área de validação. Entregar a bola em mãos de um companheiro não configura passe para a frente. São permitidos passes para frente se o portador da bola estiver atrás da linha de scrimmage (local de onde a bola saiu no começo da jogada). Passes para trás ou lateralmente à linha da bola são permitidos sem limite.
Caso o jogador não consiga segurar a bola passada a ele o jogo continua sem problemas, exceto se o jogador deixar a bola cair de suas mãos para frente, o que é penalidade (knock on) Caso o jogador não consiga segurar a bola passada o jogo é parado e é marcado um passe incompleto, com nova saída da mesma linha de scrimmage.

Passes com os pés[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
O chute (field goal) é feito para qualquer direção e a qualquer momento do jogo. É o único passe para a frente permitido desde que o jogador que receba-o esteja atrás da linha da bola antes do chute O chute (punt) é realizado para o ataque "se livrar" da bola, numa situação de 4ª tentativa (down) em que está longe de marcar um touchdown ou um field goal, o punt é realizado pelo jogador que recebe a bola do central, chutando-a imediatamente

Arremessos laterais[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
Os 2 times se formam em linha e a bola é jogada a 90° da linha lateral ou para trás podendo ser pega por qualquer uma das equipes. Também é permitido dar calços levantando o jogador do próprio time para que este pegue a bola. É importante também destacar que os passes para frente (mais de 90º em relação a linha lateral) são proibidos. Assim como no Rugby, passes a 90º da linha lateral ou menos são permitidos a todo momento. No entanto, nas ligas profissionais, eles são raros de serem vistos, pois são muito arriscados, tendo em vista o grande risco de sofrer uma interceptação por parte da defesa ou de a bola cair no chão causando um "fumble" (bola de quem pegar).

Pontuação[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
Try/Ensaio (5 pontos): O jogador encosta a bola sob seu domínio no chão além da try line (inclusive) ou nos postes de gol Touchdown (6 pontos): O jogador encosta a bola sob seu domínio na endzone ou pisa nela portando a bola
Conversion/Conversão (2 pontos): Após o try a equipe tem a chance de fazer um chute direto entre as traves, de um ponto paralelo ao local onde ocorreu o try Extra-point (1 ou 2 pontos): Após o touchdown o time tem a chance de marcar mais pontos de duas formas: chutando entre as traves à maneira de um field goal (1 ponto), ou tentando fazer como que um novo touchdown (2 pontos), sempre partindo do centro da linha de 2 jardas
Drop kick (3 pontos): No meio do jogo o jogador chuta a bola entre as traves (a bola deve tocar o chão antes de ser chutada).

Penalty kick (3 pontos): Quando é marcado um pênalti, o atacante tem a opção de chutar a gol do local da falta, ocasião em que a bola pode estar apoiada no tee (place kick) ou quicar no chão uma vez.

Drop kick (3 pontos): No meio do jogo o jogador chuta a bola entre as traves (a bola deve tocar o chão antes de ser chutada). Esta jogada apesar de prevista nas regras é muito rara no jogo atual.

Field Goal (3 pontos): Geralmente quando o ataque não consegue avançar as 10 jardas após 3 tentativas e a end zone está próxima, o ataque opta por fazer um chute entre as traves: o holder recebe a bola, encosta-a no chão e o kicker faz o chute.

Safety (2 pontos para o adversário): Ocorre quando o atacante em posse da bola é derrubado atrás de sua linha de gol, ou deixa a bola sob sua posse sair pelas linhas da endzone. A equipe que comete um safety também é punida com a perda da posse de bola na próxima jogada.

Penalidades[editar | editar código-fonte]

Rugby Futebol americano
São marcadas faltas por desrespeito as regras e por antijogo. As faltas podem ser cobradas através do chutão (punt), da posse de bola ou do scrum, e os pênaltis através dos dois primeiros ou da tentativa de chute a gol (penalty kick). Utiliza-se cartões amarelo, que pune o jogador retirando-o de jogo por dez minutos; e vermelho, que exclui definitivamente o ofensor do jogo, deixando sua equipe em desvantagem numérica. Todas as punições são baseadas em perdas de jardas ou perdas de down, algumas vezes invalidando a jogada recém-concluída, e podem ser declinadas pelo ofendido quando isso – a seu critério – seria menos vantajoso que continuar a jogada. Todas as faltas são cobradas normalmente com linha de scrimmage.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre esporte/desporto é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.