Compromisso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde maio de 2011).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.

Compromisso é a forma, pública ou não, de se vincular ou assumir uma obrigação com alguém, com algum objetivo. Há diversos tipos de compromissos, como por exemplo: compromisso religioso, compromisso amoroso, compromisso de negócios. Compromisso é, portanto, uma responsabilidade adquirida em virtude de uma afirmação verbal ou escrita, feita por nós mesmos.

A expressão "ter um compromisso" significa estar ocupado em uma data, ou ter um vínculo ou acordo com alguém.

A palavra deriva de "promessa", ou seja, "com promessa". Quer dizer que quando há um compromisso há uma promessa. Em inglês o termo commitment — o termo compromise é um falso cognato, cuja tradução mais próxima seria "meio-termo", como em "nenhum dos dois conseguiu exatamente o queria, e negociamos um meio-termo".

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.

(Isaías 6:8) - Depois disto ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Então disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim. O Profeta Isaias assumiu um compromisso muito sério diante de Deus, e sabemos que ele foi fiel até o fim naquilo que se propôs a fazer, e nós? Estamos sendo hoje fieis naquilo que nos propomos a fazer? A bíblia diz que quem deseja o episcopado excelente obra deseja, (1 Tm. 3:1) Mas para trabalhar em qualquer área de liderança na igreja é necessário ter algumas qualidades indispensáveis. Para um cristão exercer bem o seu ministério tem que ter algumas condições de caráter essenciais, a saber: capacitação, submissão, e responsabilidade.

>CAPACITAÇÃO= Saber fazer >SUBMISSÃO= Obedecer no fazer >RESPONSABILIDADE= fazer bem e coerentemente o que se sabe fazer.

Sem qualquer uma dessas características, ou qualidades, jamais alguém será um líder completo, pois, de nada vale saber fazer se não fizer com responsabilidade, ou seja, saber, mas não estar presente na hora em que se precisa fazer, ou pior, saber, estar presente na hora de fazer, mas não querer obedecer a ninguém para fazer, e quando quer fazer tem que ser do seu próprio jeito...

Se juntarmos essas condições básicas ou características, teremos uma só: COMPROMISSO

                                          O QUE SIGNIFICA COMPROMISSO

Segundo o dicionário, a palavra compromisso quer dizer: “Obrigação ou promessa mais ou menos solene” o que implica em firmar um programa de intenções que se pretende cumprir. Mas muitas vezes vemos na igreja, pessoas assumindo cargos e logo depois por motivos fúteis ou inexplicáveis, abandonam o compromisso, com melindres por que alguém talvez as tenha criticado ou não as tenha entendido, largam tudo, sem perceber que estão frustrando pessoas que confiaram e que apostaram nelas. Devemos lembrar que quando assumimos um compromisso na igreja, estamos firmando um acordo na presença de Deus.Lembremos do que está escrito na palavra de Deus em: (Jr. 48:10a) “maldito o homem que fizer a obra do Senhor fraudulosamente”.