Comunidade saudável

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Dezembro de 2008). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Comunidade Saudável é usado atualmente no Brasil para denominar projetos e programas de promoção da saúde geralmente nas esferas de governos municipais e/ou estaduais e em sua maioria no âmbito do Sistema Único de Saúde, quase sempre em parceria com universidades, O.N.G. e minoritariamente com o setor privado. Estão concentrados na região sudeste do país.

É também a denominação de uma Organização Não Governamental em Belo Horizonte - Estado de Minas Gerais, um conjunto/rede de O.N.G. no Estado do Rio de Janeiro - principalmente capital e região metropolitana.

Em São Paulo o projeto concentra suas atividades nas universidades e em unidades de saúde. É considerado por muitos teóricos da saúde pública brasileira o que há de mais avançado em termos de evolução do Sistema Único de Saúde e da própria sociedade.

O desenvolvimento da Estratégia de Saúde da Família, oficializada em 1994 pelo governo federal em parceria principalmente com os municípios, a efetivação do controle social e a consolidação dos princípios e diretrizes do SUS, associado a autonomia dos usuários/trabalhadores são umas das principais estratégias para se alcançar municípios saudáveis com comunidades saudáveis e políticas sociais e econômicas intersetoriais e transetoriais que visam também a promoção da cidadania e a ampliação da autonomia dos cidadãos.