Concurso de Marchinhas Mestre Jonas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Concurso de Marchinhas Mestre Jonas é uma competição de marchinhas de carnaval realizada anualmente em Belo Horizonte pela Cria Cultura, em parceria com a Rádio Inconfidência, através de recursos da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais e apoio da Secretaria de Estado da Cultura de Minas Gerais e Belotur. O nome é uma homenagem ao compositor e sambista mineiro Jonas Henrique de Jesus Moreira, falecido em 2011.[1]

Campeãs[editar | editar código-fonte]

  • 2016 - "Não enche o saco do Chico" de Marcos Frederico e Vitor Velloso[2]
  • 2015 - "Rejeitados de Guarapari" de Flávio Boca, Rae Medrado e Sergio Duá [3]
  • 2014 - "Baile do Pó Royal" de Alfredo Jackson, Joilson Cachaça e Thiago Dibeto[4]
  • 2013 - "Imagina na Copa" de Daniel Iglesias, Matheus Rocha e Guto Borges[5]
  • 2012 - "Na Coxinha da Madrasta" de Flávio Henrique Alves[6]

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre carnaval, integrado ao Projeto Carnaval é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.