Condado (divisão administrativa)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Termos scire e scira na Crônica Anglo-Saxônica

Condado (em inglês: shire ou county), na anglofonia, é uma divisão administrativa. Originou-se na Idade Média e compreendia uma divisão superior a um hundred (em latim: hundredum; em inglês: hundred). Deve existir desde ao menos o tempo de Alfredo, o Grande (r. 871–899), mas só foi plenamente adotada sob Edgar, o Pacífico (r. 959–975). À época, era gerida pelo ealdormano (em latim: ealdormanum; em inglês antigo: ealdorman) ou xerife (em inglês: sheriff , lit. "bailio/corregedor" (reeve) do "condado" (shire)), que cuidava da corte condal.[1]

Etimologia[editar | editar código-fonte]

Em inglês, o termo mais antigo para se referir a condado é shire, palavra que provém do proto-germânico skizo, através do alto-alemão antigo sćira e do inglês antigo sćir, significando, originalmente, "tributo oficial", "distrito submetido a um governador" ou "cuidado". O termo foi substituído no século XIV, pelo termo admnistrativo anglo-francês county[2], introduzido na Inglaterra por ocasião da conquista normanda do país (1066–1075). Shire continuou em uso[3] tanto na linguagem oficial como na popular, , especialmente na Inglaterra, e também permaneceu no nome de alguns condados, a exemplo de Cheshire, e de algumas comunidades menores, como a paróquia de Hexhamshire.[1] Na Austrália, o termo adquiriu a tradução própria de "distrito rural", cada um dotado do seu próprio conselho local.[4][5][6]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Editores (1998). «Shire». Britânica Online 
  • «Shire». Léxico. Universidade de Oxônia 
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.