Condado metropolitano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um condado metropolitano é geralmente uma divisão administrativa com governo próprio. Originalmente, na Idade Média, bem como em países cuja forma de governo é a monarquia, representava porção de terra dentro do domínio do monarca atribuída ao conde. Portugal era o Condado Portucalense.

Difere das marcas que também eram porções de terra outorgadas pelo monarca, mas o titular se denomina marquês. além disto, as marcas se situavam em território de fronteira com outros reinos. Também denominada como comarcas, estas ainda são divisões judiciárias no Brasil.

Ver também[editar | editar código-fonte]


Divisões administrativas
Para cidades: Aldeia | Bairro | Borough | Cidade | Cidade independente | Comuna | Concelho | Condado | Conselho | Departamento | Freguesia | Hamlet | Localidade | Município | Prefeitura | Paróquia | Posto administrativo | Povoação / Povoado / Vilarejo | Shire |Subprefeitura | Unidade de vizinhança | Unidade residencial | Vila
Para países: Bailiado | Cantão | Estado | Província | República | Território | Voivodia
Autônomos: Cidade | Comunidade | Condado | Prefeitura | Província | Região | República
Federal: Distrito federal
Metropolitano: Condado
Rural: Concelho / Município | Distrito
Urbano: Distrito urbano | Distrito municipal
Fins Estatistícos: NUTS | Região censitária | Cidade de recenseamento
Termos relacionados: Circunscrição | Distrito | Gueto | Listas de divisões administrativas | Lista de termos | Periferia | Região | Região administrativa | Subdistrito | Subdivisão de país | Território
Ícone de esboço Este artigo sobre geografia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.