Confia, mas confira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Confie, mas confira (em russo: Доверяй, но проверяй , Doveryai, no proveryai) é um provérbio russo. A frase tornou-se conhecida em inglês por ser usada pelo presidente Ronald Reagan (dos EUA) em várias ocasiões no contexto do desarmamento nuclear.

Suzanne Massie, uma escritora na Rússia, reuniu-se com o Presidente Ronald Reagan muitas vezes entre 1984 e 1987.[1] Ela ensinou-lhe o provérbio russo, "Доверяй, но проверяй" {Doveryai, no proveryai} (confie, mas verifique), aconselhando-o a que "Os russos gostam de falar em provérbios. Seria legal você saber alguns. Você é ator – você consegue aprendê-los rapidamente."[2] O provérbio foi adotado como um bordão por Reagan, que, em seguida, a usou frequentemente ao discutir as relações dos EUA com a União Soviética. Usar provérbios com os quais os russos poderiam identificar-se pode ter ajudado as relações entre os dois líderes.[3]

Referências

  1. «The Reagan Years» 
  2. Suzanne Massie speaking on the 22nd Episode of the television documentary, Cold War (TV series).
  3. Shanker, Thom (9 de dezembro de 1987). «Battle Turns Gentle With Proverbs Galore». Chicago Tribune. Consultado em 3 de maio de 2017