Conocliniopsis prasiifolia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.


Como ler uma infocaixa de taxonomiaConocliniopsis prasiifolia
Conocliniopsis prasiifolia (DC.) R.M.King ^ H.Rob. - Flickr - Alex Popovkin, Bahia, Brazil.jpg
Classificação científica
Superdomínio: Biota
Reino: Plantae
Sub-reino: Viridiplantae
Infrarreino: Streptophyta
Superdivisão: Embryophyta
Divisão: Tracheophyta
Subdivisão: Euphyllophyta
Ordem: Asterales
Família: Asteraceae
Subfamília: Asteroideae
Tribo: Eupatorieae
Género: Conocliniopsis
Espécie: Conocliniopsis prasiifolia

Conocliniopsis prasiifolia é uma espécie de planta do gênero Conocliniopsis e da família Asteraceae. [1]

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

A espécie foi descrita em 1972 por Robert Merrill King e Harold E. Robinson. [2] Os seguintes sinônimos já foram catalogados: [1]

  • Conoclinium prasiifolium DC.
  • Eupatorium urticaefolium L.

Forma de vida[editar | editar código-fonte]

É uma espécie terrícola e subarbustiva. [1]

Descrição[editar | editar código-fonte]

Arbusto de 0,3−1 metros de altura com ramos cilíndricos, estriados, estrigosos. Ela tem folhas alternas, pecioladas, pecíolo 0,4−4,2 centímetros de comprimento; lâmina foliar 1–5 × 0,4−2,6 cm, membranácea, discolor, ovada, ápice agudo, margem crenada, base truncada, face adaxial estrigosa e face abaxial vilosa com tricomas glandulares sésseis. Capitulescência corimbiforme. Capítulos pedunculados, pedúnculo com cerca de 0,3 centímetros de comprimento Invólucro 0,6−0,5 × 0,5−0,4 cm, campanulado, bisseriado; brácteas involucrais 17−20, externas 3−4 × 0,9−1,2 mm, oblanceoladas, internas 4−4,8 × 0,5−0,8mm, lanceoladas, ápice acuminado, margem inteira, esverdeadas com ápice vináceo, pubescentes. Receptáculo cônico, foveolado, epaleáceo. Ela tem 25−35 flores, corola de 3−3,5 milímetros de comprimento, lilás, glabra, tubo de1,6−1,9 mm de comprimento, com limbo 1−1,2 milímetros de comprimento, lacínias de 0,3−0,4 milímetros de comprimento, glabras. Antera 1,1−1,2 milímetros de comprimento, apêndice do conectivo obtuso, tão longo quanto largo, base truncada, colar da antera cilíndrico. Estilete 5−4,5 milímetros de comprimento, glabra, ramos do estiletelineares, ápice obtuso. Cipsela de 1,2−1,6 milímetros de comprimento, cilíndrica a obovóide, pilosa, 5-costada; carpopódio proeminente, anuliforme. Pápus 2,3−3 milímetros de comprimento, unisseriado, cerdoso, persistente.

[1] 25−35

Conservação[editar | editar código-fonte]

A espécie faz parte da Lista Vermelha das espécies ameaçadas do estado do Espírito Santo, no sudeste do Brasil. A lista foi publicada em 13 de junho de 2005 por intermédio do decreto estadual nº 1.499-R. [3]

Distribuição[editar | editar código-fonte]

A espécie é encontrada nos estados brasileiros de Alagoas, Bahia e Pernambuco.[1] A espécie é encontrada nos domínios fitogeográficos de Caatinga e Cerrado, em regiões com vegetação de caatinga, campos rupestres e cerrado.[1]

Notas[editar | editar código-fonte]

Contém texto em CC-BY-SA 4.0 de Nakajima, J. Conocliniopsis in Flora e Funga do Brasil. [1]

Referências

  1. a b c d e f g «Conocliniopsis prasiifolia (DC.) R.M.King & H.Rob.». floradobrasil2020.jbrj.gov.br. Consultado em 18 de abril de 2022 
  2. «Conocliniopsis prasiifolia». www.gbif.org (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  3. «IEMA - Espécies Ameaçadas». iema.es.gov.br. Consultado em 12 de abril de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.