Conselheiro da Rainha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Um Conselheiro da Rainha (pós-nominal QC), ou Conselheiro do Rei (pós-nomina KC) durante o reinado de um rei, é um advogado proeminante (na sua maioria barristers) que são nomeados pelo monarca para ser um "Conselheiro de Sua Majestade versado em direito" em certos países pertencentes a Commonwealth. O termo também é reconhecido como um honorífico. Existem membros por várias jurisdições da Commonwealth ao redor do mundo, enquanto em algumas jurisdições o nome foi substituído por um sem conotações monárquicas, como "Conselheiro Sênior" ou "Advogado Sênior". Conselheiro da Rainha é uma posição legal conferida pela Coroa, sendo assim reconhecida em tribunais.[1]

Referências

  1. «Queen's Council - Historical Context». Nova Scotia Barristers' Society. 26 de junho de 2001. Consultado em 8 de janeiro de 2017.. Cópia arquivada em 15 de novembro de 2007 
Ícone de esboço Este artigo sobre direito é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.