Conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido (desde novembro de 2017). Ajude e colabore com a tradução.


Conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos
National Security Advisor
US-WhiteHouse-Logo.svg
John R Bolton at CPAC 2017 by Michael Vadon.jpg
No cargo
John R. Bolton

desde 9 de abril de 2018
Gabinete Executivo do Presidente
Equipe do Conselho de Segurança Nacional
Designado por Presidente dos Estados Unidos
Criado em 1953
Primeiro titular Robert Cutler
Website www.whitehouse.gov

O Assistente do Presidente para Assuntos de Segurança Nacional (APNSA), comumente referido como o Conselheiro de Segurança Nacional (NSA) ou às vezes informalmente denominado conselheiro do NSC,[1][2] é um assessor sênior no Gabinete Executivo do Presidente dos Estados Unidos, com sede na ala oeste da Casa Branca, que atua como o principal assessor interno do Presidente dos Estados Unidos em questões de segurança nacional. O Conselheiro de Segurança Nacional é nomeado pelo Presidente e não requer confirmação pelo Senado,[3] mas uma nomeação de um general de três ou quatro estrelas para o papel exige a reconfirmação do grau militar do Senado.[4]

O conselheiro de segurança nacional participa em reuniões do Conselho de Segurança Nacional (NSC) e geralmente preside reuniões do Comitê de Diretores do NSC com o Secretário de Estado e o Secretário de Defesa (ou seja, as reuniões que não tem a presença do Presidente). O conselheiro de segurança nacional é apoiado por funcionários do NSC que produzem pesquisas e briefings para o conselheiro de segurança nacional para revisar e apresentar, seja ao Conselho de Segurança Nacional ou diretamente ao Presidente.

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. The National Security Advisor and Staff: p. 1 (em inglês)
  2. Abreviado como NSA, ou às vezes APNSA ou ANSA a fim de evitar confusões com a abreviatura da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos.
  3. The National Security Advisor and Staff: p. 29 (em inglês)
  4. «McMaster will need Senate confirmation to serve as national security adviser» (em inglês). Consultado em 12 de março de 2017. 

Links externos[editar | editar código-fonte]