Conselho Sul-Americano de Novas Federações

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde janeiro de 2010).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas.
Conselho Sul-Americano de Novas Federações
Consejo Sudamericano de Nuevas Federaciones
(CSANF)
Lema "Todos devem jogar! (¡Todos deben jugar!)"
Tipo Organização Desportiva Não-Governamental
Fundação 25 de maio de 2007 (11 anos)
Sede Buenos Aires, Argentina Argentina
Membros Membros afiliados diretamente
Membros especiais
Potenciais (em conversações ou análise)
Línguas oficiais Espanhol, Português
Filiação (Nenhuma)
Presidente Argentina Gonzalo Esteban Parada
Organização Brasil Thiago Fernandes Monteiro (Vice-Presidente)
Chile Gonzalo Flores Domarchi (Secretário Geral)
Empregados Argentina 03 (inclui o presidente)
Chile 03 (inclui o secretário geral)
Brasil 04 (inclui o vice-presidente)
Espanha 01 (representação especial)
Sítio oficial www.csanf.net

O Conselho Sul-Americano de Novas Federações (em espanhol: Consejo Sudamericano de Nuevas Federaciones), conhecido como CSANF, é uma organização não governamental (ONG) de nível continental de Futebol Não FIFA da América do Sul, sendo uma das duas únicas existentes no mundo e a única existente a nível continental, fundado em 25 de Maio de 2007 e com sede situada em Buenos Aires, Argentina.[1]

O CSANF tem como missão organizar o Futebol Não FIFA na América do Sul, promovendo através do esporte a integração, intercâmbio e o desenvolvimento humano em territórios, povos, comunidades, minorias e dependências no continente que não têm qualquer apoio, dando a possibilidade a todas as regiões de se afiliarem, sendo vistos e conhecidos por todos pelo mundo através do futebol.

A confederação também organiza uma competição anual, a Copa CSANF, cuja primeira edição foi edição foi organizada em 2011.[2]

História[editar | editar código-fonte]

A história do CSANF surge em 2003, quando Gonzalo Parada, atual presidente da organização, foi nomeado representante geral da NF-Board na América Latina. A partir daí, foram feitas buscas para encontrar pessoas interessadas em ajudar nos projetos da NF-Board para a região, em países como México, Chile, Uruguai e Brasil.

Durante esse trabalho inicial, foi verificada uma grande quantidade de locais que poderiam ser afiliados e algumas pessoas se dispuseram a ajudar no projeto, que resultaram em 2007 na decisão de criar na América do Sul uma organização autônoma para cuidar dos locais que viriam a ser afiliados, o CSANF, fundado por Gonzalo Parada (Argentina), Oswaldo Ugarte (México), Jorge González Aburto (Chile) e Daniel Cañete (Uruguai).

Membros[editar | editar código-fonte]

Membros afiliados[editar | editar código-fonte]

Membros especiais[editar | editar código-fonte]

Membros potenciais[editar | editar código-fonte]

Membros potenciais são os territórios, povos e regiões que, segundo o estatuto do CSANF, têm condições para se afiliarem a qualquer momento.

Organização[editar | editar código-fonte]

Atualmente, o CSANF tem filiais com representantes em 03 dos 13 países da América do Sul (Argentina, Chile e Brasil) e um representante especial na Espanha. O Conselho Sul-Americano de Novas Federações possui no total 11 empregados, chamados de "delegados", incluindo o presidente, vice-presidente e o secretário-geral.

Representantes[editar | editar código-fonte]

  • Argentina Gonzalo Esteban Parada (Presidente)
  • Argentina Facundo Mango Vorrath
  • Argentina Javier Luis Parada
  • Chile Gonzalo Flores Domarchi (Secretário-Geral)
  • Chile Carlos Valenzuela
  • Chile Jorge González Aburto
  • Brasil Thiago Fernandes Monteiro (Vice-Presidente)
  • Brasil Benedito Júnior
  • Brasil Echesler Giovanni Molmelstet
  • Brasil Aluísio Oliveira
  • Espanha Raúl Sánchez López (Representante Especial)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

Soccer stub.svg Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.