Constantine (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Constantine
Constantine (PT/BR)
Pôster do filme em Inglês
 Estados Unidos
 Alemanha

2005 •  cor •  121 min 
Direção Francis Lawrence
Produção Lorenzo di Bonaventura
Akiva Goldsman
Benjamin Melniker
Lauren Shuler Donner
Erwin Stoff
Michael E. Uslan
Produção executiva Gilbert Adler
Michael Aguilar
Roteiro Kevin Brodbin
Frank A. Cappello
História Kevin Brodbin
Baseado em John Constantine de
Alan Moore
Stephen Bissette
John Totleben
Elenco Keanu Reeves
Rachel Weisz
Shia LaBeouf
Tilda Swinton
Pruitt Taylor Vince
Djimon Hounsou
Gavin Rossdale
Peter Stormare
Género Ação
Fantasia
Suspense
Thriller
Música Klaus Badelt
Brian Tyler
Cinematografia Philippe Rousselot
Edição Wayne Wahrman
Companhia(s) produtora(s) Village Roadshow Pictures
The Donners' Company
Weed Road Pictures
Batfilm Productions
3 Arts Entertainment
Distribuição Warner Bros. Pictures
Roadshow Entertainment (Austrália e Nova Zelândia)
Lançamento Hong Kong 8 de fevereiro de 2005
Estados Unidos 18 de fevereiro de 2005
Idioma Inglês
Orçamento US$ 100 milhões
Receita US$ 230.884.728
Página no IMDb (em inglês)

Constantine é um filme de 2005 dirigido por Francis Lawrence, uma adaptação para o cinema do personagem das histórias em quadrinhos John Constantine, protagonista da revista Hellblazer. O filme é estrelado por Keanu Reeves e Rachel Weisz.

Apesar do título da revista na qual Constantine é baseada ser Hellblazer, este título foi descartado pelos produtores devido a sua semelhança com Hellraiser (1987). Alan Moore inicialmente queria que a HQ se chamasse Hellraiser, por conta do nome pertencer a série de filmes, mas o deixou como Hellblazer.[1]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

John Constantine (Keanu Reeves) é um experiente ocultista e exorcista, que quando adolescente tenta o suicídio, ficando cerca de dois minutos morto e literalmente no inferno. O mesmo acontece com Angela Dodson (Rachel Weisz), uma policial cética, ela investiga o misterioso suicídio de sua irmã gêmea, Isabel Dodson. As investigações levam a dupla a um mundo sombrio, em que precisam lidar com demônios e o anjo Gabriel, não tão bondoso assim.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Constantine teve recepção mista por parte da crítica especializada. Em base de 41 avaliações profissionais, alcançou uma pontuação de 50/100 no Metacritic. Em avalições mistas, do Chicago Tribune, Michael Wilmington disse: "Embora a história é potencialmente fascinante e os visuais, às vezes fascinante, o filme em si está preso no purgatório da segunda categoria."

New York Post, Lou Lumenick: "Uma ótima aparência, mas tortuosamente lento e muitas vezes piegas o cruzamento entre "O Exorcista" e "Dirty Harry".

Em avaliações desfavoráveis, do Chicago Sun-Times, Roger Ebert: "Estranho, que filmes sobre Satanás sempre exigem católicos. Você nunca vê seus presbiterianos ou episcopais arremessando para baixo os demônios."

The New Yorker, David Denby: "Talvez alguns do público deva saber se eles não estão realizando a obra do diabo, sentados tão calmamente através de filmes que transformam lixo em maravilhas."

San Francisco Chronicle, Mick LaSalle: "O filme não é infernal, porque há sempre esperança de deixá-lo. É mais como purgatório, duas horas inteiras do mesmo." [2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. "A nova fase da Vertigo no Brasil". 
  2. "Constantine" (em inglês). Metacritic. Consult. 6 de setembro de 2015. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]