Constantino (filho de Patzico)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Constantino
Nacionalidade Império Bizantino
Ocupação oficial

Constantino (em latim: Κωνσταντῖνος; transl.: Konstantinos) foi um bizantino do século IX que desertou ao Império Búlgaro. Casou-se com a irmã do Crum (r. 803–814).

Vida[editar | editar código-fonte]

Búlgaros aniquilando o exército bizantino em Versinícias. Iluminura do Escilitzes de Madri

Foi descrito como Constantino de Patzico (τοῦ Πατζικοῦ), e embora Patzico pode ser um sobrenome, provavelmente era o nome de seu pai. Era de origem grega e fugiu aos búlgaros muito antes de 813, quando é citado pela primeira vez. Casou-se com a irmã do Crum (r. 803–814), com quem teve filho. Em 813, ele e seu filho, que segurou o cavalo do cã, acompanharam Crum e seu logóteta para negociar com os bizantinos após a Batalha de Versinícias e esteve presente no breve Cerco de Constantinopla; talvez ele serviu como intérprete. Os búlgaros foram vítimas de uma emboscada e Constantino foi capturado junto de outros companheiros de Crum.[1]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Lilie, Ralph-Johannes; Ludwig, Claudia; Zielke, Beate et al. (2013). «#3920 Konstantinos Patzikos». Prosopographie der mittelbyzantinischen Zeit Online. Berlim-Brandenburgische Akademie der Wissenschaften: Nach Vorarbeiten F. Winkelmanns erstellt