Consultoria em segurança

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde maio de 2011). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Consultoria em segurança é a atividade de apoio aos gestores de empresas, para direcionar a tomada de decisões estratégicas, com grande impacto sobre os resultados atuais e futuros da organização.

O objetivo da consultoria é definir a melhor alternativa de ação num ambiente de negócios repleto de incertezas, riscos, competição, possibilidades desconhecidas, etc., que representam um problema complexo e de grande importância.

Fases da consultoria[editar | editar código-fonte]

As fases típicas de uma consultoria em segurança são:

  • Levantamento de dados e informações;
  • Mapeamento dos riscos e das vulnerabilidades;
  • Análise dos dados e informações obtidas;
  • Apontamento das informações em mapas e matrizes adequadas para definir a hierarquia dos riscos e das vulnerabilidades, assim como das atitudes;
  • Definição do Planejamento Estratégico com as devidas definições;
  • Desenvolvimento do Plano de Ação;
  • Estruturação do relatório final
  • Apresentação do resultado.
  • Definição do calendário posterior de auditoria para análise das ações e de seus reflexos.

Segmentos[editar | editar código-fonte]

A consultoria em segurança poderá atuar, não exclusivamente, nos seguintes segmentos:

  • Condominial (Comercial e Residencial)
  • Logística
  • Patrimonial
  • Empresarial
  • Portuária e Retro-Portuária
  • Alfandegária
  • Eletrônica
  • Perdas e Danos
  • Pessoal
  • Lógica (tecnologia)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]