Convento de Santo Agostinho (Santiago de Compostela)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Convento de Santo Agostinho
Convento de Santo Agostiño
Convento de San Agustín
Fachada da Igreja de Santo Agostinho
Estilo dominante Barroco, neoclássico
Arquiteto Bartolomé Fernández Lechuga
Fim da construção Século XVII
Função atual Colégio maior universitário jesuíta
Geografia
País Flag of Spain.svg Espanha
Cidade Santiago de Compostela
Coordenadas 42° 52' 50.2" N 8° 32' 28.3" O
Localização do Convento de Santo Agostinho no centro histórico de Santiago de Compostela
Convento de Santo Agostinho está localizado em: Santiago de Compostela
Convento de Santo Agostinho

O Convento de Santo Agostinho (em galego: Convento de Santo Agostiño; em castelhano: Convento de San Agustín) é um edifício barroco e neoclássico do século XVII situado no centro histórico de Santiago de Compostela, Galiza, Espanha. Antigo convento de Agostinhos Calçados de Arzúa, atualmente é um colégio maior universitário jesuíta.[1]

Descrição[editar | editar código-fonte]

A construção do convento foi financiada pelo conde de Altamira. As obras decorreram entre 1623 e 1648, segundo um projeto de Bartolomé Fernández Lechuga.[2] Após a extinção das ordens religiosas em Espanha no século XIX, o edifício teve vários usos antes de ser ocupado pelos jesuítas, que o transformaram num colégio.[3]

A igreja é de planta é retangular, com uma nave único com três tramos, coberta com uma abóbada de canhão, cruzeiro (arquitetura), capelas laterais e uma cúpula semiesférica sem tambor.[2] A fachada é de estilo neoclássico,[3] estruturada em dois corpos.[2] Nela se abre um nicho com a imagem da Virgem da Cerca, assim chamada por ter estado num nicho da antiga muralha. O projeto inicial incluía duas torres, das quais apenas existe a da direita, inacabada; a outra foi destruída por um raio em 1788.[3]

No interior destaca-se a escultura processional de Cristo na coluna, uma obra de Diego de Sande, o retábulo-mor, atribuído a Pedro Taboada e datado de 1690, e o retábulo da Imaculada Conceição, datado de 1740 e da autoria de Simón Rodríguez.[2]

Referências

  1. «Convento e Iglesia de San Agustín». cvc.cervantes.es (em espanhol). Centro Virtual Cervantes. Instituto Cervantes. Consultado em 11 de agosto de 2013. 
  2. a b c d «Santo Agostiño». www.turgalicia.es (em galego). Junta da Galiza. Consultado em 11 de agosto de 2013. 
  3. a b c «Convento e Igreja de Santo Agostinho». www.santiagoturismo.com. Consultado em 11 de agosto de 2013. 


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Convento de Santo Agostinho