Copa Libertadores da América de 1968

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Taça Libertadores da América de 1968
IX Copa Libertadores
Dados
Participantes 21
Organização CONMEBOL
Local de disputa Flags of the Union of South American Nations.gif América do Sul
Período 21 de janeiro16 de maio
Gol(o)s 231
Partidas 93
Média 2,48 gol(o)s por partida
Campeão Argentina Estudiantes (1º título)
Vice-campeão Brasil Palmeiras
Melhor marcador BrasilBRA Tupãzinho (Palmeiras) – 11 gols
Melhor ataque (fase inicial) Peru Universitario – 17 gols
Melhor defesa (fase inicial) Uruguai Peñarol – 2 gols
Maior goleada
(diferença)
Universitario Peru 6 – 0 Bolívia Always Ready
Estádio Nacional de LimaLima
27 de fevereiro, Grupo 2
◄◄ Libertadores 1967 Soccerball.svg Libertadores 1969 ►►
O clube argentino Estudiantes venceu a Copa Libertadores da América de 1968 com destaque para Carlos Bilardo (segundo agachado, da esquerda para a direita)

A Taça Libertadores da América de 1968 foi vencida pelo Estudiantes, da Argentina, que sagrou-se campeão derrotando o Palmeiras, do Brasil. Vice-campeão argentino de 1967, o Estudiantes iniciava, deste modo, um período de hegemonia continental que se estenderia até 1970.

Equipes classificadas[editar | editar código-fonte]

País Equipe Cidade Classificação Títulos Participações
 Argentina
(2 vagas + atual campeão)
Racing Avellaneda Campeão da Copa Libertadores 1 (1967)
Independiente Avellaneda Campeão do Campeonato Argentino de 1967 2 (1964, 1965)
Estudiantes La Plata Vice-campeão do Campeonato Argentino de 1967 0 (não possui)
 Bolívia
(2 vagas)
Jorge Wilstermann Cochabamba Campeão do Campeonato Boliviano de 1967 0 (não possui)
Always Ready La Paz Vice-campeão do Campeonato Boliviano de 1967 0 (não possui)
 Brasil
(2 vagas)
Palmeiras São Paulo Campeão do Campeonato Brasileiro de 1967 (Taça Brasil) 0 (não possui)
Náutico Recife Vice-campeão do Campeonato Brasileiro de 1967 (Taça Brasil) 0 (não possui)
 Chile
(2 vagas)
Universidad de Chile Santiago Campeão do Campeonato Chileno de 1967 0 (não possui)
Universidad Católica Santiago Vice-campeão do Campeonato Chileno de 1967 0 (não possui)
 Colômbia
(2 vagas)
Deportivo Cali Cali Campeão do Campeonato Colombiano de 1967 0 (não possui)
Millonarios Bogotá Vice-campeão do Campeonato Colombiano de 1967 0 (não possui)
Equador
(2 vagas)
El Nacional Quito Campeão do Campeonato Equatoriano de 1967 0 (não possui)
Emelec Guayaquil Vice-campeão do Campeonato Equatoriano de 1967 0 (não possui)
 Paraguai
(2 vagas)
Guaraní Assunção Campeão do Campeonato Paraguaio de 1967 0 (não possui)
Libertad Assunção Vice-campeão do Campeonato Paraguaio de 1967 0 (não possui)
 Peru
(2 vagas)
Universitario Lima Campeão do Campeonato Peruano de 1967 0 (não possui)
Sporting Cristal Lima Vice-campeão do Campeonato Peruano de 1967 0 (não possui)
Uruguai
(2 vagas)
Peñarol Montevidéu Campeão do Campeonato Uruguaio de 1967 3 (1960, 1961, 1966)
Nacional Montevidéu Vice-campeão do Campeonato Uruguaio de 1967 0 (não possui)
 Venezuela
(2 vagas)
Deportivo Portugués Caracas Campeão do Campeonato Venezuelano de 1967 0 (não possui)
Deportivo Galicia Caracas Vice-campeão do Campeonato Venezuelano de 1967 0 (não possui)

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Grupo 1[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Argentina Estudiantes 11 6 5 1 0 12 3 +9
Argentina Independiente 5 6 2 1 3 8 10 -2
Colômbia Deportivo Cali 5 6 2 1 3 6 10 -4
Colômbia Millonarios 3 6 1 1 4 6 9 -3
  ELP IND DCA MIL
Estudiantes 2-0 3-0 0-0
Independiente 2-4 1–1 3–1
Deportivo Cali 1-2 1-0 1-0
Millonarios 0-1 1–2 4-2

Grupo 2[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Peru Universitario 9 6 3 3 0 17 4 +13
Peru Sporting Cristal 9 6 3 3 0 11 5 +6
Bolívia Jorge Wilstermann 5 6 2 1 3 5 8 -3
Bolívia Always Ready 1 6 0 1 5 2 18 -16
  UNI SCR JOR ALW
Universitario 1-1 5-1 6-0
Sporting Cristal 2-2 2-0 1–1
Jorge Wilstermann 0-0 0-1 3-0
Always Ready 0-3 1–4 1-1*

*O Jorge Wilstermann ganhou os pontos do jogo pelo fato do Always Ready ter escalado um jogador de forma irregular.

Grupo 3[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Chile Universidad Católica 9 6 4 1 1 11 7 +4
Equador Emelec 7 6 2 3 1 5 4 +1
Equador El Nacional 5 6 2 1 3 5 6 -1
Chile Universidad de Chile 3 6 1 1 4 6 10 -4
  UCA EME ELN UCH
Universidad Católica 1-1 2-0 3-2
Emelec 1-2 0-0 2–1
El Nacional 2-1 0-1 3-1
Universidad de Chile 1-2 0-0 1-0

Grupo 4[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Uruguai Peñarol 8 6 3 2 1 8 2 +6
Paraguai Guaraní 7 6 2 3 1 8 7 +1
Uruguai Nacional 6 6 2 2 2 9 5 +4
Paraguai Libertad 3 6 1 1 4 2 13 -11
  PEN GUA NAC LIB
Peñarol 2-0 1-0 4-0
Guaraní 1-1 2-1 2–0
Nacional 0-0 2-2 4-0
Libertad 1-0 1-1 0-2

Grupo 5[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Brasil Palmeiras 11 6 5 1 0 12 3 +9
Venezuela Deportivo Portugués 5 6 2 1 3 5 11 -6
Brasil Náutico 4 6 2 2 2 7 8 -1
Venezuela Deportivo Galicia 4 6 2 0 4 5 7 -2
  PAL DPO NAU DGA
Palmeiras 3-0 0-0 2-0
Deportivo Portugués 1-2 1-1 1-0
Náutico 1-3 3-2* 1-0
Deportivo Galicia 1-2 2-0 2-1

*O Náutico perdeu os pontos por fazer uma substituição a mais do que o permitido na época.

Segunda fase[editar | editar código-fonte]

Grupo 1[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Argentina Estudiantes 6 4 3 0 1 4 2 +2
Argentina Independiente 4 4 2 0 2 7 3 +4
Peru Universitario 2 4 1 0 3 1 7 -6
  ELP IND UNI
Estudiantes 1-0 1-0
Independiente 1-2 3-0
Universitario 1-0 0-3

Grupo 2[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Uruguai Peñarol 10 6 4 2 0 10 1 +9
Peru Sporting Cristal 8 6 2 4 0 7 3 +4
Equador Emelec 3 6 1 1 4 3 7 -4
Venezuela Deportivo Portugués 3 6 1 1 4 3 12 -9
  PEN SCR EME DPO
Peñarol 1-1 1-0 4-0
Sporting Cristal 0-0 1–1 2-0
Emelec 0-1 0-2 2-0
Deportivo Portugués 0-3 1–1 2-0

Grupo 3[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Brasil Palmeiras 6 4 3 0 1 7 4 +3
Paraguai Guaraní 4 4 2 0 2 7 7 0
Chile Universidad Católica 2 4 1 0 3 6 9 -3
  PAL GUA UCA
Palmeiras 2-1 4-1
Guaraní 2-0 3-1
Universidad Católica 0-1 4-1

Semi-final[editar | editar código-fonte]

Chave A[editar | editar código-fonte]

Time Pts J V E D GP GC SG
Brasil Palmeiras 4 2 2 0 0 3 1 +2
Uruguai Peñarol 0 2 0 0 2 1 3 -2
Data Partida Estádio Cidade
18/04 Palmeiras Brasil 1-0 Uruguai Peñarol - São Paulo
23/04 Peñarol Uruguai 1-2 Brasil Palmeiras - Montevidéu

Chave B[editar | editar código-fonte]

Time Pts J V E D GP GC SG
Argentina Estudiantes 3 3 1 1 1 4 3 +1
Argentina Racing 3 3 1 1 1 3 4 -1
Data Partida Estádio Cidade
18/04 Racing Argentina 2-0 Argentina Estudiantes - Avellaneda
24/04 Estudiantes Argentina 3-0 Argentina Racing - La Plata
Jogo Desempate
27/04 Racing Argentina 1-1 Argentina Estudiantes - Buenos Aires

Final[editar | editar código-fonte]

Time Pts J V E D GP GC SG
Argentina Estudiantes 4 3 2 0 1 5 4 +1
Brasil Palmeiras 2 3 1 0 2 4 5 -1
Data Partida Estádio Cidade
2/05 Estudiantes Argentina 2-1 Brasil Palmeiras Estádio Ciudad de La Plata La Plata
7/05 Palmeiras Brasil 3-1 Argentina Estudiantes Estádio do Pacaembu São Paulo
Jogo Desempate
16/05 Estudiantes Argentina 2-0 Brasil Palmeiras Estádio Centenário Montevidéu
Libertadores 1968


Flag of Argentina.svg
ESTUDIANTES
Campeão
(1º título)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.