Copa Sul-Americana de 2021

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Copa Sul-Americana de 2021
XX Copa Sudamericana
CONMEBOL Sudamericana 2021
Conmebol Sudamericana logo.png
Dados
Participantes 56
Organização CONMEBOL
Período 17 de março – 6 de novembro
◄◄ 2020 Soccerball.svg 2022 ►►

A Copa Sul-Americana de 2021, oficialmente nomeada CONMEBOL Sul-Americana 2021, será a 20ª edição da competição de futebol da América do Sul, organizada anualmente pela Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL). Participam clubes das dez associações sul-americanas.

O vencedor da Copa Sul-Americana de 2021 estará garantido na Copa Libertadores da América de 2022 e ainda ganhará o direito de jogar contra o vencedor da Copa Libertadores de 2021, na Recopa Sul-Americana de 2022 e a J.League YBC Levain Cup/CONMEBOL Sudamericana Final do mesmo ano.[1]

Mudança no formato de disputa[editar | editar código-fonte]

Em 2 de outubro de 2020, a CONMEBOL anunciou mudanças do formato de disputa a partir dessa edição:[2][3]

  • O torneio foi expandido de 54 para 56 equipes, com todas as equipes perdedores da terceira fase da Copa Libertadores do mesmo ano entrando na competição, não apenas os dois melhores eliminados nessa fase.
  • Na primeira fase, equipes de todos as associações sul-americanas, exceto Argentina e Brasil, jogam entre si contra equipes da mesma associação em jogos de ida e volta, com os classificados avançando para uma fase de grupos com 32 times.
  • Com a introdução de uma fase de grupos, as equipes da Argentina e Brasil entram a partir dessa fase, assim como os 16 classificados da primeira fase e os quatro eliminados da terceira fase da Copa Libertadores. Apenas o vencedor de cada grupo se classifica para as oitavas de final.
  • Os oito clubes que finalizarem em terceiro lugar nos seus grupos na Copa Libertadores entram a partir das oitavas de final.

Equipes classificadas[editar | editar código-fonte]

As seguintes 44 equipes das 10 associações da CONMEBOL se qualificaram para o torneio:

  • Argentina e Brasil: 6 vagas cada (totalizando 12 equipes na fase de grupos)
  • Demais associações: 4 vagas cada (totalizando 32 equipes na primeira fase)
País Equipe Classificação Fase
 Argentina
(6 vagas)
Newell's Old Boys Mais bem classificado na tabela geral da Superliga Argentina de 2019–20
e da Copa da Superliga de 2020 e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Fase de grupos
Talleres 2º mais bem classificado na tabela geral da Superliga Argentina de 2019–20
e da Copa da Superliga de 2020 e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Lanús 3º mais bem classificado na tabela geral da Superliga Argentina de 2019–20
e da Copa da Superliga de 2020 e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Rosário Central 4º mais bem classificado na tabela geral da Superliga Argentina de 2019–20
e da Copa da Superliga de 2020 e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Arsenal de Sarandí 5º mais bem classificado na tabela geral da Superliga Argentina de 2019–20
e da Copa da Superliga de 2020 e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Independiente 6º mais bem classificado na tabela geral da Superliga Argentina de 2019–20
e da Copa da Superliga de 2020 e não classificado para a Copa Libertadores 2021
 Bolívia
(4 vagas)
Jorge Wilstermann Mais bem classificado do Torneio Apertura de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Primeira fase
Guabirá 2º mais bem classificado do Torneio Apertura de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Nacional Potosí 3º mais bem classificado do Torneio Apertura de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Atlético Palmaflor 4º mais bem classificado do Torneio Apertura de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
 Brasil
(6 vagas)
Athletico Paranaense Mais bem classificado do Campeonato Brasileiro Série A de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Fase de grupos
Red Bull Bragantino 2º mais bem classificado do Campeonato Brasileiro Série A de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Ceará 3º mais bem classificado do Campeonato Brasileiro Série A de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Corinthians 4º mais bem classificado do Campeonato Brasileiro Série A de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Atlético Goianiense 5º mais bem classificado do Campeonato Brasileiro Série A de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Bahia 6º mais bem classificado do Campeonato Brasileiro Série A de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
 Chile
(4 vagas)
Palestino Mais bem colocado do Campeonato Chileno de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Primeira fase
Antofagasta 2º mais bem colocado do Campeonato Chileno de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Cobresal 3º mais bem colocado do Campeonato Chileno de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Huachipato 4º mais bem colocado do Campeonato Chileno de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
 Colômbia
(4 vagas)
Deportes Tolima Mais bem colocado do Campeonato Colombiano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Primeira fase
La Equidad 2º mais bem colocado do Campeonato Colombiano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Deportivo Pasto 3º mais bem colocado do Campeonato Colombiano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Deportivo Cali Vencedor do play-off para a Sul-Americana do Campeonato Colombiano de 2020
Equador
(4 vagas)
Emelec Mais bem colocado do Campeonato Equatoriano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Primeira fase
Guayaquil City 2º mais bem colocado do Campeonato Equatoriano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Macará 3º mais bem colocado do Campeonato Equatoriano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Aucas 4º mais bem colocado do Campeonato Equatoriano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
 Paraguai
(4 vagas)
Nacional Mais bem colocado do Campeonato Paraguaio de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Primeira fase
Guaireña 2º mais bem colocado do Campeonato Paraguaio de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
12 de Octubre 3º mais bem colocado do Campeonato Paraguaio de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
River Plate 4º mais bem colocado do Campeonato Paraguaio de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
 Peru
(4 vagas)
Carlos A. Mannucci Mais bem colocado do Campeonato Peruano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Primeira fase
Sport Huancayo 2º mais bem colocado do Campeonato Peruano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Universidad Técnica Cajamarca 3º mais bem colocado do Campeonato Peruano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Melgar 4º mais bem colocado do Campeonato Peruano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Uruguai
(4 vagas)
Uruguai 1[URU] Campeão do Torneio Intermedio de 2020 Primeira fase
Uruguai 2[URU] Campeão do Torneio Apertura ou Clausura de 2020
se não classificado para a Copa Libertadores 2021
Uruguai 3[URU] Mais bem colocado do Campeonato Uruguaio de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Uruguai 4[URU] 2º mais bem colocado do Campeonato Uruguaio de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
 Venezuela
(4 vagas)
Puerto Cabello Mais bem classificado do Campeonato Venezuelano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Primeira fase
Aragua 2º mais bem classificado do Campeonato Venezuelano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Metropolitanos 3º mais bem classificado do Campeonato Venezuelano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021
Mineros de Guayana 4º mais bem classificado do Campeonato Venezuelano de 2020
e não classificado para a Copa Libertadores 2021

Adicionalmente, doze equipes eliminadas da Copa Libertadores da América de 2021 serão transferidas para a Copa Sul-Americana, entrando a partir da fase de grupos (4 equipes) e das oitavas de final (8 equipes).

Equipes eliminadas na terceira fase
Flag of None.svg
Flag of None.svg
Flag of None.svg
Flag of None.svg
Equipes terceiro colocadas na fase de grupos
Flag of None.svg
Flag of None.svg
Flag of None.svg
Flag of None.svg
Flag of None.svg
Flag of None.svg
Flag of None.svg
Flag of None.svg

Calendário[editar | editar código-fonte]

O calendário de cada fase foi divulgado em 2 de outubro de 2020 e compreende as seguintes datas:[4]

Fase Data do sorteio Ida Volta
Primeira fase 5 de fevereiro 16–18 de março 6–8 de abril
Fase de grupos 14 de abril 20–22 de abril
27–29 de abril
4–6 de maio
11–13 de maio
18–20 de maio
25–27 de maio
Oitavas de final 2 de junho 13–15 de julho 20–22 de julho
Quartas de final 10–12 de agosto 17–19 de agosto
Semifinais 22–23 de setembro 29–30 de setembro
Final 6 de novembro
Em local a definir

Sorteio[editar | editar código-fonte]

O sorteio da primeira fase foi realizado em 5 de fevereiro de 2021, no Centro de Convenções da CONMEBOL em Luque, no Paraguai. Nesse mesmo dia as fases preliminares da Copa Libertadores de 2021 foram sorteadas.[5]

Um total de 32 equipes foram sorteadas em 16 chaves, sendo que as quatro equipes de cada associação nacional (exceto Argentina e Brasil) foram emparelhadas contra um adversário da mesma associação.[5][6][7]

Bolívia Bolívia Paraguai Paraguai
Primeira fase
Chile Chile Peru Peru
Colômbia Colômbia Uruguai Uruguai
Equador Equador Venezuela Venezuela

Para a disputa da fase de grupos, um novo sorteio será realizado em 16 de abril, junto com o sorteio da fase de grupos da Copa Libertadores de 2021.[8] As equipes serão divididas através dos potes de acordo com o ranking de clubes da CONMEBOL de 1 de fevereiro de 2021, com as quatro equipes transferidas da terceira fase da Libertadores alocadas no pote 4. Os 32 classificados serão distribuídas em oito grupos com quatro equipes cada.

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

A primeira fase será disputada por seis equipes provenientes de Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela, em partidas eliminatórias regionais de ida e volta. Em caso de empate no placar agregado, a regra do gol fora de casa será considerada e, persistindo a igualdade, a vaga será definida na disputa por pênaltis.[1]

Chave Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
BOL1 Guabirá Bolívia Bolívia Nacional Potosí
BOL2 Jorge Wilstermann Bolívia Bolívia Atlético Palmaflor
CHI1 Antofagasta Chile Chile Huachipato
CHI2 Cobresal Chile Chile Palestino
COL1 Deportes Tolima Colômbia Colômbia Deportivo Cali
COL2 La Equidad Colômbia Colômbia Deportivo Pasto
ECU1 Macará Equador Equador Emelec
ECU2 Aucas Equador Equador Guayaquil City
PAR1 12 de Octubre Paraguai Paraguai Nacional
PAR2 Guaireña Paraguai Paraguai River Plate
PER1 Universidad Técnica Cajamarca Peru Peru Sport Huancayo
PER2 Carlos A. Mannucci Peru Peru Melgar
URU1 Uruguai 2 Uruguai Uruguai Uruguai 4
URU2 Uruguai 3 Uruguai Uruguai Uruguai 1
VEN1 Metropolitanos Venezuela Venezuela Puerto Cabello
VEN2 Aragua Venezuela Venezuela Mineros de Guayana

Notas[editar | editar código-fonte]

  • a. ^ Não definido no momento do sorteio.
  • URU ^ Como o Campeonato Uruguaio de 2020 ainda estará em disputa com o início da Copa Sul-Americana de 2021, a Associação Uruguaia de Futebol (AUF) resolveu estabelecer a data de corte de 7 de março de 2021 para determinar suas equipes classificadas, de acordo com suas posições na temporada.[9] O Nacional está elegível como "Uruguai 1" por ter sido campeão do Torneio Intermedio de 2020, assim como o Rentistas está elegível como "Uruguai 2" por ter sido campeão do Torneio Apertura de 2020. Entretanto como ambas as equipes ainda podem se classificar para a Copa Libertadores de 2021, suas vagas podem ser repassadas para as equipes mais bem classificadas no Campeonato Uruguaio de 2020.

Referências

  1. a b «Manual de Clubes / Reglamento Sudamericana» (em espanhol). CONMEBOL. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  2. «Sul-Americana terá novo formato de disputa para 2021: mais competitiva e representativa». Copasudamericana.com. 2 de fevereiro de 2021. Consultado em 15 de fevereiro de 2020 
  3. «Copa Sul-Americana 2021: entenda como será o novo formato do torneio». UOL Esporte. 5 de fevereiro de 2021. Consultado em 15 de fevereiro de 2020 
  4. «CALENDÁRIO 2021: CONMEBOL Libertadores - CONMEBOL Sudamericana - RECOPA» (PDF) (em espanhol). CONMEBOL. Consultado em 2 de outubro de 2020 
  5. a b «Este viernes se sortea el camino para las competiciones de clubes 2021» (em espanhol). CONMEBOL. 2 de fevereiro de 2021. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  6. «Libertadores conhece fases preliminares na sexta, e brasileiros caem no pote 2». GloboEsporte.com. 2 de fevereiro de 2021. Consultado em 2 de fevereiro de 2021 
  7. «Sorteio para competições de clubes 2021 será nesta sexta-feira». CONMEBOL. 2 de fevereiro de 2021. Consultado em 2 de fevereiro de 2021 
  8. «Fechas actualizadas de las competiciones de clubes 2021» (em espanhol). CONMEBOL. 4 de fevereiro de 2021. Consultado em 15 de fevereiro de 2021 
  9. «Régimen de clasificación a las copas internacionales 2021» (em espanhol). AUF. 5 de fevereiro de 2021. Consultado em 13 de fevereiro de 2021 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]