Coração Selvagem (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Coração Selvagem
Álbum de estúdio de Belchior
Lançamento 1977
Gênero(s) MPB
Formato(s) LP
Gravadora(s) WEA
Produção Mazola
Cronologia de Belchior
Alucinação
(1976)
Todos os Sentidos
(1978)

Coração Selvagem é o terceiro álbum do cantor brasileiro Belchior, lançado em 1977 pela WEA. Após o sucesso do seu primeiro disco, Alucinação, Belchior seguiu lançando músicas que consagraram sua carreira nesse álbum, como a faixa-título,"Coração Selvagem", "Paralelas", "Galos, Noites e Quintais" e "Todo Sujo de Batom

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as faixas foram compostas por Belchior.

N.º Título Duração
1. "Coração selvagem"   4:39
2. "Paralelas"   4:18
3. "Todo sujo de batom"   4:19
4. "Caso comum de trânsito"   2:57
5. "Pequeno mapa do tempo"   4:54
6. "Galos, noites e quintais"   3:09
7. "Clamor no deserto"   3:45
8. "Populus"   3:33
9. "Carisma"   1:18

Ficha técnica[editar | editar código-fonte]

  • Produzido por: Marco Mazzola
  • Estúdio de gravação: Estúdio Level, Rio de Janeiro
  • Técnico de gravação: Humberto Gatica
  • Assistente de gravação: Andy P. Mills
  • Estúdio de mixagem: Westlake Audio - Los Angeles, Estados Unidos
  • Técnicos de mixagem: Humberto Gatica e Mazzola
  • Remixagem: Humberto Gatica
  • Fotos: Sebastião Barbosa
  • Arte: GANG
  • Desenho da contracapa: Belchior
  • Copyright: Fortaleza Edit. Musical Ltda.
  • Copyright: MCA - "Todo Sujo de Baton"
  • Agradecimentos especiais: gravadora Chantecler pela cessão da faixa "Todo Sujo de Batom", Liminha, Humberto Gatica, David Franco, Jorge Nishikawa e a todos os que participaram deste disco.

Músicos participantes:

  • Pedrinho: bateria
  • Jamil Joanes: baixo nas faixas 4, 6, 7 e 8
  • Paulo Cezar Barros: baixo nas faixas 1, 2, 3, 5 e 9
  • Paulinho Soledade: violão na faixa 7
  • Hélio Delmiro: violão aço e 12 cordas
  • José Paulo: guitarra
  • Luiz Cláudio: violão nylon
  • José Roberto Bertrami: arranjos de base, piano acústico, piano Fender Rhodes e Moog nas faixas 2 e 6
  • Carlos Didier: sintetizador, Moog, ARP String Ensemble, orgão e arranjos
  • Chico Batera: percussão na faixa 2
  • Nivaldo: sax e flauta
  • Maurício Einhorne: harmônica
  • Chiquinho: acordeon
  • Eliane, Regina, Soni: vocal
  • Chiquinho de Moraes: arranjo de cordas na faixa 2
  • WB Strings: cordas
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Belchior é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.