Coro Infantil de Santo Amaro de Oeiras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Coro Infantil de Santo Amaro de Oeiras
Coro Infantil de Santo Amaro de Oeiras.jpg
Informação geral
Origem Oeiras, Lisboa
País Portugal Portugal
Período em atividade 1976 - atualmente
Afiliação(ões) Coro de Santo Amaro de Oeiras
Página oficial www.csao.pt

Biografia[editar | editar código-fonte]

Fundado a 10 de Dezembro de 1976, o Coro Infantil de Santo Amaro de Oeiras iniciou a sua actividade com um grupo de 17 crianças. Nasceu no seio do Coro de Santo Amaro de Oeiras, tendo sido o fundador de ambos o Maestro César Batalha.

Rapidamente ascendeu a um lugar cimeiro na música coral infantil no nosso País, tendo sido pioneiro, abrindo caminho a muitos outros agrupamentos congéneres que se foram criando em Portugal Continental e Regiões Autónomas.

Em 1978 gravou o seu primeiro LP - Uma Dúzia de Canções - que depressa alcançou êxito,não só pela beleza simples e infantil dos seus trechos como também pela interpretação do Coro.

Em 1979 foi apresentado pela primeira vez a todo o país através da primeira Gala Internacional dos Pequenos Cantores da Figueira da Foz. A canção Eu vi um sapo, da autoria de César Batalha (música) e Lúcia Carvalho (letra) recebeu o prémio de melhor letra.

Essa mesma canção viria a ser escolhida para representar Portugal no Sequim de Ouro em Bolonha, festival da canção infantil a favor da UNICEF e ganhando o Sequim de Ouro e o Sequim de Prata.

O trecho "A todos um Bom Natal", dos mesmos autores, foi gravado e difundido pelo Coro Infantil de Santo Amaro de Oeiras, figurando entre os clássicos natalícios portugueses.

Desde sempre tem tido uma continuada intervenção no Natal dos Hospitais e na campanha Pirilampo Mágico, que pôde contar com a colaboração do Coro desde o seu início, e ainda no programa "Mosaique" para a Europa e Canadá, bem como a gravação de "Vozes Infantis de Todo O Mundo" da Televisão Holandesa.

O contributo do Coro tem sido solicitado para as gravações de muitos cantores profissionais, nomeadamente: Mara Abrantes, Frei Hermano da Câmara, Suzy Paula, Samuel, Trovante, Michael Jackson (em espectáculo), etc.

Este Coro tem dado continuamente o seu contributo para diversas campanhas de carácter humanitário ou social, entre elas: Prevenção Rodoviária "Vamos e Vivos", Festa do Trânsito, Cartões UNICEF, "Jogos do Atlântico" (cujo "Hino Vou entrar nesta festa", composto pelo Maestro César Batalha é intrepertado pelo Coro), etc.

O repertório do Coro é, musicalmente, da autoria de César Batalha e os poemas de alguns dos mais representativos poetas que dedicaram alguma da sua inspiração a temas infantis: Miguel Torga, Maria Alberta Menéres, Vinícius de Morais, Cecília Meireles, Afonso Lopes Vieira, Fernando Pessoa e ainda Rosa Colaço, Raquel Delgado, Nuno Gomes dos Santos e Lúcia Carvalho.

Pugna o Coro Infantil de Santo Amaro de Oeiras por uma imagem digna, procurando conseguir o melhor, tanto artística como humanamente, tendo por isso criado amigos e admiradores nos locais onde actua. No seu aspecto formativo pretende o Coro evitar o vedetismo, fomentando nos seus elementos a simplicidade e o espírito de grupo.

O Coro funciona com uma direcção composta por pessoas que lhe dedicam gratuitamente algum do seu tempo livre. Dela fazem para o seu director artístico, Maestro César Batalha e uma directora administrativa que vem contando com o apoio desinteressado e amigo de variadíssimas pessoas, a maior parte das vezes, mães de coralistas.

O seu primeiro local de ensaios foi-lhe graciosamente cedido pelos Bombeiros Voluntários de Oeiras. Em 1987 a sua actividade passou para o antigo Oeiras-Cine, facultado pela Câmara Municipal de Oeiras. Desde 1990 o seu trabalho tem vindo a desenvolver-se na sede do Coro de Santo Amaro de Oeiras, no Complexo Comercial Alto da Barra, cedida igualmente pela Câmara Municipal de Oeiras.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Tipo
1978 "Uma Dúzia de Canções"
LP
1980 "Eu Vi um Sapo"
Single
"A Todos um Bom Natal/Menino Jesus"
Single
1981 "A Todos um Bom Natal"
LP
"Super-Boy/Cigana"
Single
1982 "Venha Cantar Connosco" (Participação)
LP
"Minha Escola, Meu Lugar"
Single
"Boneca/Quanto Custa?"
Single
1983 "Páscoa Feliz/O Sanctissima"
Single
"Um Feliz Natal"
LP
1994 "Filhos da Madrugada" (Participação) - Tema:"Grândola, Vila Morena"
CD
1995 "Oeiras/Cantando" (Participação)
CD
1996 "Já é Natal!" (Participação)
CD
1997 "A Tabuada do Tonecas" (com Luis Alcobia)
CD
"Notas Amigas"
CD
2001 "A Todos um Bom Natal"
CD (reposição)
2005 "Carochina (Ópera)"
CD
"Um Mar de Sons" (Participação)
CD
2006 "Coro de Santo Amaro de Oeiras 45 ANOS" (Participação)
DVD

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]