Corpse Party

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ni hon go2.png Este artigo contém texto em japonês.
Sem suporte multilingual apropriado, você verá interrogações, quadrados ou outros símbolos em vez de kanji ou kana.
Corpse Party
コープスパーティー
(Kōpusu Pātī)
Gênero Terror
Survival horror
Sobrenatural
Suspense
Jogo
Corpse Party
Desenvolvimento Team GrisGris
Distribuição Kenix Soft
Gênero Survival horror
Censura CERO: A
Plataforma NEC PC-9801
Lançamento Japão 1996
Jogo
Corpse Party BloodCovered
Desenvolvimento Team GrisGris
Distribuição Marvelous USA
Gênero Survival horror
Plataforma Microsoft Windows
Lançamento Japão 8 de agosto de 2008
Jogo
Corpse Party BloodCovered: ...Repeated Fear
Desenvolvimento Team GrisGris, 5pb.
Distribuição Japão5pb.
Estados UnidosMarvelous USA
Gênero Survival horror
Plataforma PlayStation Portable
iOS
Nintendo 3DS
Lançamento PlayStation Portable
Japão12 de agosto de 2010
Estados Unidos14 de dezembro de 2011

iOS
Japão 9 de fevereiro de 2012
Estados Unidos14 de agosto de 2014

3DS
Japão30 de julho de 2015
Jogo
Corpse Party: Book of Shadows
Desenvolvimento Team GrisGris, 5pb.
Distribuição Japão5pb.
Estados UnidosMarvelous USA
Gênero Survival horror
Plataforma PlayStation Portable
iOS
Nintendo 3DS
Lançamento PlayStation Portable
Japão1 de setembro de 2011
Estados Unidos15 de janeiro de 2013

iOS
Japão17 de dezembro de 2013
Jogo
Corpse Party 2: Dead Patient
Desenvolvimento GrindHouse
Distribuição JapãoGrindHouse
Gênero Survival horror
Plataforma PC
Lançamento Japão29 de maio de 2013
Jogo
Corpse Party: Blood Drive
Desenvolvimento Team GrisGris, 5pb.
Distribuição Japão5pb
Estados UnidosMarvelous USA
Gênero Survival horror
Plataforma PlayStation Vita
Lançamento Japão24 de julho de 2014
Estados Unidos13 de outubro de 2015
Mangá
Corpse Party: Blood Covered
Ilustrado por Toshimi Shinomiya
Editora(s) Japão Square Enix
Revista(s) Gangan Powered
Gangan Joker
Data de publicação 22 de agosto de 2008 – 22 de outubro de 2012
Volumes 10 volumes (47 capítulos)
Mangá
Corpse Party: Musume
Ilustrado por Mika Orii
Editora(s) Japão Media Factory
Editora(s)
lusófona(s)
Brasil NewPOP
Revista(s) Monthly Comic Alive
Público-alvo Seinen
Data de publicação 27 de agosto de 2010 – 27 de julho de 2012
Volumes 3 volumes (20 capítulos)
Mangá
Corpse Party: Another Child
Ilustrado por Shunsuke Ogata
Editora(s) Japão Mag Garden
Revista(s) Monthly Comic Blade
Público-alvo Shonen
Data de publicação 30 de agosto de 2011 – 28 de fevereiro de 2013
Volumes 3 volumes (17 capítulos)
Mangá
Corpse Party: Book of Shadows
Ilustrado por Mika Orii
Editora(s) Japão Media Factory
Revista(s) Monthly Comic Alive
Público-alvo Seinen
Data de publicação 23 de agosto de 2012 – 22 de março de 2014
Volumes 3 volumes (24 capítulos)
OVA
Corpse Party: Missing Footage
Estúdio Asred
Lançamento 2 de agosto de 20122 de agosto de 2012
OVA
Corpse Party: Tortured Souls -The Curse of Tortured Souls-
Estúdio Asred
Lançamento 24 de julho de 201324 de julho de 2013
Número de episódios 4
Filme
Corpse Party
Elenco Mostrar lista
Lançamento 1 de agosto de 2015
Wikipe-tan face.svg Portal Animangá

Corpse Party (コープスパーティー, Kōpusu Pātī?) é uma franquia de mídia criada originalmente por Makoto Kedōin e desenvolvida pela Team GrisGris.[1] O primeiro jogo da série foi desenvolvido usando a ferramenta RPG Maker e lançada em 1996 para PC. Foi sucedida por dois remakes: Corpse Party: Blood Covered, que foi lançado para Microsoft Windows em 8 de março de 2008; e Corpse Party BloodCovered: ...Repeated Fear, que foi lançado para PlayStation Portable em 12 de agosto de 2010, iOS, em 9 de fevereiro de 2012, e 3DS (com capítulo extra não presente nas versões anteriores), em 30 de julho de 2015.[2][3]

A versão para PSP ganhou uma sequência intitulada Corpse Party: Book of Shadows no Japão em 1 de setembro de 2011, e em 15 de janeiro de 2013 na América do Norte.[4] Sua sequência direta chamada Corpse Party: Blood Drive foi lançada em 24 de julho de 2014 no Japão para PlayStation Vita.[5][6]

Outra versão para PC intitulada Corpse Party 2: Dead Patient foi lançada episodicamente pela GrindHouse,[7] com o primeiro vindo á público em 30 de maio de 2013.

A série já ganhou versões em mangá, anime, OVAs, atração de parque de diversão, e também ganhará um filme em live action.

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

Corpse Party é um jogo de terror com elementos de RPG. É jogado em terceira pessoa. O jogador é desafiado a explorar os andares de uma escola assombrada em busca de meios para conseguir escapar. Para cumprir esta tarefa, os personagens devem interagir com o ambiente, tal como pegar objetos, conversar com outros personagens, e inspecionar os documentos, evitando entidades inimigas.

A história do jogo é dividida em cinco capítulos, que focam em personagens diferentes e que podem ter múltiplos finais baseados nas decisões do jogador: o "final verdadeiro" é necessário para a progressão do jogo; os "finais falsos" levam a eventos irrelevantes para o enredo principal. Os personagens possuem HP, que medem a quantidade de danos que o personagem pode levar até morrer, em alguns casos, levando a "finais falsos". Enquanto o jogador progride, dez capítulos extras opcionais são desbloqueados, no qual são focados em personagens secundários, expandindo assim o enredo.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Corpse Party acontece na Escola Primária Heavenly Host (天神小学校, Tenjin Shōgakkō?), uma escola primária que foi demolida após os assassinatos brutais e desaparecimento de estudantes e funcionários. Nos dias atuais, é um escola de ensino médio chamada Academia Kisaragi (如月学園, Kisaragi Gakuen?) que foi construída sobre o terreno da antiga escola. Em uma noite chuvosa, depois de um festival na escola, um grupo de estudantes está contando histórias de fantasma quando a representante de classe decide falar uma simpatia chamada "Sachiko Para Sempre" para que eles sejam amigos por toda a eternidade. De repente, um terremoto os transporta á uma dimensão paralela onde a Escola Hostes Celestiais ainda existe e é assombrada pelos fantasmas das crianças assassinadas. Os estudantes tentam desvendar o mistério da escola assombrada, a fim de tentar sair daquele local e sobreviver as forças sombrias, mas alguns não conseguirão fugir, tendo uma morte horrível.

O protagonista é Satoshi Mochida, um adolescente tímido e medroso e que por isso é provocado pelos seus colegas. Outros três personagens são colegas de classe de Satoshi, são eles: Naomi Nakashima, amiga de infância do protagonista; Yoshiki Kishinuma, apesar de parecer intimidador é bem-humorado; Ayumi Shinozaki, representante de classe. Completando o grupo está Yuka Mochida, a irmã mais nova de Satoshi. O antagonista do jogo é Sachiko Shinozaki, o fantasma de uma garota vestida de vermelho que mata alunos por vingança de sua própria morte.

O remake Blood Covered adiciona quatro novos personagens no elenco original, são eles: Seiko Shinohara, a melhor amiga de Naomi; Mayu Suzumoto, uma estudante transferida que é popular; Sakutaro Morishige, melhor amigo de Mayu; e Yui Shishido, assistente de classe. Blood Covered também adiciona muitos personagens de outras escolas também presos dentro da Hostes Celestiais, entre eles incluem: Yuuya Kizami, um estudante sádico da Escola Secundária Byakudan (白壇高等学校, Byakudan Kōtōgakkō?), que acompanha Yuka quando ela é separada de seu irmão; Naho Saenoki, uma paranormal da Academia Paulownia (桐章学園, Kirishō Gakuen?), que criou a simpatia "Sachiko Para Sempre" e que investiga a Hostes Celestiais, ela encontra o personagem do jogador várias vezes e os orienta.

Corpse Party: Another Child[editar | editar código-fonte]

Um mangá spin-off que ocorre durante os eventos de Corpse Party, com a Academia Satsukiyama (皐月山学園, Satsukiyama Gakuen?). Na história um grupo de alunos que está prestes a se separar decide fazer a simpatia "Sachiko Para Sempre" e acabam sendo enviados á Escola Primária Hostes Celestiais, juntamente com o espírito de uma misteriosa garota.

Corpse Party: Blood Drive[editar | editar código-fonte]

Corpse Party: Blood Drive é a sequência direta de Corpse Party: Book of Shadows e é o Segundo jogo da série feito com gráficos 3D. Foi lançado para PlayStation Vita no Japão. Os personagens foram feitos no estilo chibi, no entanto a arte tradicional em CG aparece nas cutscenes, feitas por Sakuya Kamishiro.[8]

Dois meses após os eventos de Corpse Party: Book of Shadows, Ayumi Shinozaki ficou gravemente doente por usar a magia negra do Livro das Sombras. No prólogo, depois de escapar da Hostes Celestiais, Ayumi e Naomi Nakashima vão investigar a propriedade dos Shinozaki, local de nascimento de Sachiko Shinozaki, acreditando que lá podem encontrar um meio para reviver os amigos mortos. Na propriedade, Ayumi descobre que possui a mesma linhagem de Sachiko. Após ouvir vozes estranhas, Ayumi descobre um tomo mágico conhecido como Livro das Sombras. Ayumi e Naomi fazem o encantamento de ressurreição para Mayu Suzumoto (Seiko Shinohara no mangá), mas falham. Como resultado, o livro desencadeia sua fúria sobre Ayumi que sua irmã mais velha Hinoe Shinozaki (篠崎 ひのえ, Shinozaki Hinoe?) a salva e assim sacrifica sua própria segurança. Hinoe é mostrada perdendo muito sangue, deixando Ayumi gritando de terror. Naomi tira Ayumi dali e a leva para um hospital. No entanto, a propriedade dos Shinozaki e o Livro das Sombras desaparecem.

No hospital, uma menina (Mirai Yamamura) afirma que Ayumi recebe visitas de um espírito associado á Hinoe. Esta menina pertence ao Instituto Wicca, uma organização que venera os espíritos. Ela diz á Ayumi, o último desejo de Hinoe: recuperar o Livro das Sombras ou o mundo inteiro será destruído.

Depois de receber alta do hospital, Ayumi vai até a Academia Kisaragi, onde Satoshi Mochida e seus amigos a recebem calorosamente. No entanto, a ausência de seus amigos mortos é um lembrete constante de sua realidade inevitável. Agora um novo assistente de professor, Kuon Niwa, supervisiona a sua sala de aula.

Mais tarde, a caminho de casa, um rapaz encapuzado se aproxima de Ayumi e diz a ela: "Se você recuperar o Livro das Sombras e usá-lo na Hóspede Celestial, aqueles que morreram lá vai serão revividos." A trilha agora leva para a antiga residência Makina Shinozaki. Para piorar a situação, a maldição da Hóspede Celestial parece ter sido expandida pela "nova Sachiko". Para Ayumi, que é da responsabilidade da linhagem de Shinozaki.[8]

O jogador assume o controle sobre o personagem durante eventos de exploração. A música de abertura é realizada por Asami Imai (Ayumi Shinozaki) e Yumi Hara (Satsuki Mizuhara).[9]

Adaptações[editar | editar código-fonte]

O videogame foi adaptado em quatro séries de mangás: Corpse Party: Blood Covered, publicado pela Square Enix; Corpse Party: Musume e Corpse Party: Book of Shadows, publicados pela Media Factory; e Corpse Party: Another Child, publicado pela Mag Garden. Um OVA, Corpse Party: Missing Footage, foi lançado em 2 de agosto de 2012. Outro OVA, Corpse Party: Tortured Souls (コープスパーティー Tortured Souls ―暴虐された魂の呪叫―, Kōpusu Pātī Tortured Souls: Bōgyaku Sareta Tamashii no Jukyō?), foi lançado em 24 de julho de 2013.[10]

Referências

  1. Gris Gris Official Website : http://www.gris2.com/ (em japonês)
  2. «Marvelous USA lançará versão de PSP de Corpse Party». Anime News Network. 2 de setembro de 2011. Consultado em 3 de setembro de 2011 
  3. http://gematsu.com/2015/04/corpse-party-3ds-dated-in-japan
  4. «Corpse Party: Book of Shadows 2 tem trailer divulgado». Anime News Network. 9 de janeiro de 2013. Consultado em 28 de março de 2013 
  5. Ishaan (22 de abril de 2013). «Corpse Party continua no PS Vita com Corpse Party: Blood Drive». Siliconera.com. Consultado em 13 de julho de 2013 
  6. 2013-10-04, Corpse Party: Blood Drive pushed to 2014 in Japan, Gematsu
  7. «Corpse Party 2: Dead Patient PC Game Announced». Anime News Network. 16 de agosto de 2012. Consultado em 3 de setembro de 2013 
  8. a b 2014-03-20, More Details On Corpse Party: Blood Drive's Story And New Characters, Siliconera
  9. 28-03-2013, Corpse Party: Blood Drive dated in Japan, new details, Gematsu
  10. «Corpse Party ganhará OVA Tortured Souls». Anime News Network. 2 de agosto de 2012. Consultado em 4 de agosto de 2012 

Links externos[editar | editar código-fonte]