Corroios

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Portugal Portugal Corroios 
  Freguesia  
Moinho de Maré de Corroios
Moinho de Maré de Corroios
Símbolos
Brasão de armas de Corroios
Brasão de armas
Localização
Corroios está localizado em: Portugal Continental
Corroios
Localização de Corroios em Portugal
Coordenadas 38° 39' N 9° 09' O
Concelho SXL1.png Seixal
Administração
Tipo Junta de freguesia
Presidente Eduardo Manuel Brito Rosa (CDU)
Características geográficas
Área total 16,92 km²
População total (2011) 47 661 hab.
Densidade 2 816,8 hab./km²
Código postal 2855 Corroios
Outras informações
Orago Nossa Senhora da Graça
Website Página oficial

Corroios é uma Vila portuguesa do concelho do Seixal, com 16,92 km² de área e 47 661 habitantes (2011). A sua densidade populacional é 2 816,8 hab/km². Presentemente Corroios permanece como a segunda vila mais populosa de Portugal, após Algueirão-Mem Martins[carece de fontes?].

Pertencem a Corroios localidades como Vale de Milhaços, Alto do Moinho, Santa Marta do Pinhal, Miratejo, Pinhal do Vidal e Verdizela.

População[editar | editar código-fonte]

População da freguesia de Corroios [1]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
25 499 35 439 46 475 47 661

Criada pelo decreto-lei nº 241/76, de 07 de Abril, com lugares desanexados da freguesia de Amora

Distribuição da População por Grupos Etários
Ano 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos
2001 7 534 7 199 27 588 4 154 16,2% 15,5% 59,4% 8,9%
2011 7 646 5 069 28 022 6 924 16,0% 10,6% 58,8% 14,5%

Média do País no censo de 2001: 0/14 Anos-16,0%; 15/24 Anos-14,3%; 25/64 Anos-53,4%; 65 e mais Anos-16,4%

Média do País no censo de 2011: 0/14 Anos-14,9%; 15/24 Anos-10,9%; 25/64 Anos-55,2%; 65 e mais Anos-19,0%

História[editar | editar código-fonte]

Os primeiros vestígios da ocupação humana na região, são do tempo da ocupação romana, e situam-se na Quinta do Rouxinol.

Em 1385, D. João I doou ao Condestável Nuno Álvares Pereira algumas terras na Freguesia de Corroios, onde criou uma quinta. Em 1403, D. Nuno mandou edificar o primeiro moinho de maré do concelho do Seixal, o Moinho do Castelo.

Na época dos Descobrimentos, foi uma zona de abastecimento muito importante.

A paróquia de Corroios, fundada em 1369, fazia parte do termo de Almada cujos territórios são os actuais de Almada e Seixal.

Com a criação do Concelho do Seixal, a Paróquia de Corroios foi anexada à de Amora, até 7 de Abril de 1976, quando foi fundada a Freguesia de Corroios. D. António Ribeiro, Cardeal-Patriarca de Lisboa, em 1975, restaura a Paróquia de Corroios, sendo que será D. Manuel Martins a nomear o primeiro Pároco da paroquia restaurada, o Pe. António Bennetti.

Em 1982, foram detectados fornos cerâmicos de produção doméstica e ânforas na Quinta do Rouxinol.

O nome dado a esta freguesia, Corroios, provém da existência de pequenos arroios, detectados antes do século XVIII, conforme explicação dada pelo pároco, Pedro Simões Duarte, nas Memórias Paroquiais em 1758: "a quem talvez os antigos pusessem este nome por ficar ao sul dela do Nascente a Poente um não pequeno campo baixo e tão húmido que ainda em o mais ardente, e dilatado verão conserva alguns arroios ainda que pequenos de águas, que nascidas do Poente, correm por entre os brejos ao mar"[2].

Até ao final do século XIX a freguesia de Corroios foi essencialmente rural, dividida por quintas de fidalgos e nobres.

Nas últimas décadas a freguesia de Corroios cresceu e desenvolveu-se muito, sendo nos dias de hoje, uma população essencialmente urbana. No dia 20 de Maio de 1993, Corroios foi elevada a vila.

Património[editar | editar código-fonte]

Cultura[editar | editar código-fonte]

  • Festival de Música Moderna de Corroios, em março
  • Concurso de Fotografia de Corroios, em junho
  • Animação de Espaços Públicos, em julho
  • Festival de Vídeo de Corroios - VIDEOCOR, em novembro
  • Semana Cultural, em novembro
Metro Transportes do Sul
 
Unknown route-map component "dKBHFa-L lime" Unknown route-map component "dKBHFa-R cerulean"
 Cacilhas BSicon BOOT.svg
Universidade 
Unknown route-map component "c" Unknown route-map component "KBHFa lime" Unknown route-map component "cd" Unknown route-map component "dBHF-L lime" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 25 de Abril
Monte Caparica 
Unknown route-map component "c" Unknown route-map component "BHF lime" Unknown route-map component "cd" Unknown route-map component "dBHF-L lime" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 Gil Vicente
Fomega 
Unknown route-map component "c" Unknown route-map component "BHF lime" Unknown route-map component "cd" Unknown route-map component "dBHF-L lime" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 S. J. Batista
Boa Esperança 
Unknown route-map component "c" Unknown route-map component "BHF lime" Unknown route-map component "cd" Unknown route-map component "dBHF-L lime" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 Almada
BSicon BAHN.svg Pragal 
Unknown route-map component "dKBHFa-L carrot" Unknown route-map component "dBHF-R lime" Unknown route-map component "dBHF-L lime" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 B. Gonçalves
Ramalha 
Unknown route-map component "v-STRlg lime" + Unknown route-map component "vSTRlf- carrot"
Unknown route-map component "mvBHFq_carrot+lime"
Unknown route-map component "vSTRrg- lime" + Unknown route-map component "v-STR cerulean" + Unknown route-map component "vSTR+rf- carrot"
 
 
Unknown route-map component "dBHF-L carrot" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 Cv. Piedade
 
Unknown route-map component "dBHF-L carrot" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 Pq. Paz
Legenda: 
Unknown route-map component "dBHF-L carrot" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 Ant.º Gedeão
Linha 1 
Unknown route-map component "BHFq cerulean" + Unknown route-map component "num1m"
Unknown route-map component "dBHF-L carrot" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 Laranjeiro
Linha 2 
Unknown route-map component "BHFq carrot" + Unknown route-map component "num2m"
Unknown route-map component "dBHF-L carrot" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 Santo Amaro
Linha 3 
Unknown route-map component "BHFq lime" + Unknown route-map component "num3m"
Unknown route-map component "dBHF-L carrot" Unknown route-map component "dBHF-R cerulean"
 Casa do Povo
 
Unknown route-map component "dKBHFe-L carrot" Unknown route-map component "dKBHFe-R cerulean"
 Corroios BSicon BAHN.svg
[]      fonte: diagrama oficial

Referências

  1. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  2. «Debates Parlamentares». Assembleia da República. 1992. Consultado em 4 de julho de 2018. Esta povoação deve o seu nome à existência de arroios. 
Ícone de esboço Este artigo sobre freguesias portuguesas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]