Corsiaceae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaCorsiaceae
Córsia

Córsia
Classificação científica
Domínio: Eukaryota
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Liliopsida
Ordem: Liliales
Família: Corsiaceae

Corsiaceae (ou corsiáceas[1] ) é uma família de plantas angiospermas monocotiledóneas. São nativas das regiões regiões de clima tropical e subtropical[2] das terras do oeste do Pacífico (Nova Guiné, Austrália e outras ilhas), América do Sul (especialmente Chile) e Sudeste Asiático[1] [3] .

Descrição[editar | editar código-fonte]

Corsiáceas não possuem clorofila, logo, não são autotróficas. Possuem rizomas e tubérculos. Suas folhas, em forma de escamas, são organizadas em uma forma espiralada. Sendo angiospermas, produzem flores, que são irregulares, solitárias e terminais. Seus frutos tem a forma de cápsulas[1] valvulares, possuem de aproximadamente vinte e cinco a aproximadamente cem sementes e podem ser oleosos[2] .

Classificação[editar | editar código-fonte]

O sistema APG II[4] coloca a família Corsiaceae na ordem Liliales; em tempos passados, tais plantas já foram classificadas como Burmanniaceae, da ordem Dioscoreales, e até mesmo como pertencentes à família Orchidaceae.[1]

Geralmente, considera-se que a família inclui os gêneros Corsia, Corsiopsis e Arachnitis. Alguns autores sugerem que apenas o gênero Corsia pertence à família, sendo o gênero Arachnitis mais próximo da família Burmanniaceae.[3] Os gêneros Arachnitis e Corsiopsis são monotípicos (possuem apenas uma espécie),[5] e o Corsiopsis foi recentemente descoberto.

Os gêneros e espécies da família são, no momento, os seguintes:

Referências

  1. a b c d Houaiss, Antônio. Dicionário Houaiss da língua portuguesa. Verbete corsiácea. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001 894 p.
  2. a b L. Watson e M. J. Dallwitz (1992). "The families of flowering plants: descriptions, illustrations, identification, and information retrieval" (HTML1) (em Inglês). Consult. 18 de Janeiro de 2008. 
  3. a b Stevens, P. F. (2007). "Angiosperm Phylogeny Website. Version 8" (HTML) (em Inglês). Consult. 18 de Janeiro de 2008. 
  4. Angiosperm Phylogeny Group (2003). "An update of the Angiosperm Phylogeny Group classification for the orders and families of flowering plants: APG II" (HTML) (em Inglês). Botanical Journal of the Linnean Society. Consult. 18 de Janeiro de 2008. 
  5. O NBCI (National Center for Biotechnology Information, ou Centro Nacional de Informação em Biotecnologia) fala de duas espécies no gênero Arachnitis: Arachnitis quetrihuensis e Arachnitis uniflora. Entretanto, o próprio site afirma que não é uma fonte adequada de informação científica. Veja aqui.
Ícone de esboço Este artigo sobre plantas é um esboço relacionado ao Projeto Plantas. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.