Cotito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cratera grega (c. 380–370 a. C.) com pintura representando uma deusa, provavelmente Bendis ou Cotito, vestida em trajes trácios e aproximando-se de Apolo (sentado).

Cotito ou Cótis[1] (em grego antigo: Κότυς Kótys) era uma deusa trácia importante que era adorada em cerimónias designadas por Cotitia. Era particularmente celebrada entre os édones.[2] Suda mencionou que era adorada entre os coríntios.[3] Os gregos consideravam Cotito como sendo uma das faces de Perséfone.[4]

Etimologia[editar | editar código-fonte]

Acredita-se que o nome Cotito significasse "guerra, matança", tal como Höðr em nórdico antigo.[5]

Culto[editar | editar código-fonte]

Ilustração a lápis de Cotito (artista anónimo do século XXI)

Os seguidores de Cotito eram conhecidos como baptos, que significa "banhistas",[6] porque a sua cerimónia de purificação, antes da adoração, envolvia um ritual elaborado de banhos. Cotito era frequentemente adorada durante cerimónias noturnas, ou mistérios, que estavam associados a comportamentos efeminados e obscenos.[7] O seu culto era muito semelhante ao culto da deusa Bendis.

Cotito também foi adorada em Corinto.[8][9]

Referências[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Spalding, Tassilo Orpheu (1965). Dicionário da mitologia greco-latina. [S.l.]: Editôra Itatiaia 
  2. Detschew, Dimiter. Die Thrakische Sprachreste. Wien, 1957: p. 258 (in German)
  3. Suda, ka.2171
  4. Bell, John (2003). Bell's New Pantheon or Historical Dictionary of the Gods, Demi Gods, Heroes. Kessinger Publishing. [S.l.: s.n.] ISBN 0-7661-7834-X 
  5. Also cognate: Irish cath "war, battle", early German Hader "quarrel", Greek kótos "hatred", Old Church Slavonic kotora "fight, brawl", Sanskrit śatru "enemy, nemesis", and Hittite kattu "spiteful". See Orel, Vladimir. A Handbook of Germanic Etymology. Leiden, Netherlands: Brill, 2003: 165.
  6. βάπτω, Henry George Liddell, Robert Scott, A Greek-English Lexicon, on Perseus
  7. Cobham Brewer, Ebenezer (1894). Brewer's Dictionary of Phrase and Fable - Revised and Updated Edition. Harper & Brothers. New York: [s.n.] pp. 73 
  8. Suda Encyclopedia,kappa 2171
  9. Suda Encyclopedia, theta 381

Ligações externas[editar | editar código-fonte]