Coup d'Etat (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Coup d'Etat
Capa da versão digital de Coup d'Etat, Pt.1
Álbum de estúdio de G-Dragon
Lançamento Digital:
  • 2 de setembro de 2013 (parte 1)
  • 5 de setembro de 2013 (parte 2)

Físico:
13 de setembro de 2013

Gravação 2011–2013
Gênero(s)
Duração 45:58
Idioma(s) Coreano
Formato(s)
Gravadora(s) YG Entertainment
Produção
Cronologia de G-Dragon
One of a Kind
(2012)
Coup d'Etat + One of a Kind & Heartbreaker
(2013)
Capa da versão digital de Coup d'Etat, Pt.2
Singles de Coup d'Etat
  1. "MichiGo"
    Lançamento: 1 de abril de 2013
  2. "Coup d'Etat"
    Lançamento: 2 de setembro de 2013
  3. "Crooked"
    Lançamento: 5 de setembro de 2013
  4. "Who You?"
    Lançamento: 13 de novembro de 2013

Coup d'Etat é o segundo álbum de estúdio do cantor e rapper sul-coreano G-Dragon pela YG Entertainment. O seu lançamento ocorreu primeiramente em formato digital e dividido em duas partes, a primeira em 2 de setembro de 2013 e a segunda em 5 de setembro de 2013. Posteriormente, seu lançamento como um álbum completo realizou-se em 13 de setembro de 2013, em ambos os formatos digital e físico. Musicalmente, Coup d' Etat é um álbum pertencente aos gêneros pop, hip hop e R&B, mas é influenciado por diversos gêneros, dentre eles o dubstep, o rock e o electro. O álbum produziu os singles "MichiGo", "Coup d'Etat", "Crooked" e "Who You?".

Após seu lançamento, Coup d'Etat atingiu o topo tanto da parara sul-coreana Gaon Album Chart quanto da estadunidense Billboard World Albums. Além disso, posicionou-se em número 182 na Billboard 200, tornando G-Dragon o primeiro artista de K-pop a realizar múltiplas entradas na referida parada. O álbum recebeu resenhas geralmente positivas da critica especializada e venceu em 2014, o prêmio de Melhor Álbum do Mundo através da premiação World Music Awards.[2]

Antecedentes e desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

O início do processo de produção do segundo álbum de estúdio de G-Dragon iniciou-se em 2011, na ocasião, ele gravou versões demo das canções "Niliria" e "Runaway".[3][4] Entretanto, durante este processo de produção, G-Dragon esboçou diversos álbuns, mas não considerou-os organizados corretamente, então decidiu-se por lançar o extended play (EP) One of a Kind (2012) primeiramente, a fim de conseguir lançar em tempo hábil, gravações que considerasse completas.[4] Em entrevista para a revista Complex, ele explicou sobre a demora para concluir o projeto e o que se seguiu após o lançamento de One of a Kind dizendo: "Com o tempo restante [pós lançamento do EP], eu refiz as gravações, os moldei e agora estão completos. Sempre que eu considero colocar alguma coisa, sinto que é preciso fazer mais. Eu não diria que não estou confiante, mas é mais como uma sensação de que posso melhorar. É por isso que demorou tanto tempo".[4]

Para a produção de Coup d'Etat, G-Dragon trabalhou majoritariamente com os produtores Teddy Park, Choice37 e Kush.[4] O álbum também contém a colaboração de artistas internacionais, que incluem a rapper estadunidense Missy Elliot, como o DJ Diplo, ambos anunciados pela YG Entertainment em junho de 2013, como alguns dos nomes a integrarem o álbum.[5]

Composição[editar | editar código-fonte]

Coup d'Etat possui uma mistura eclética dos gêneros hip hop, dubstep, rock, electro e pop.[4] Seu single de mesmo nome, co-produzido com os DJs estadunidenses Diplo e Baauer, é uma canção de tempo lento, que contém influência do trap.[6] A colaboração com Missy Elliot em "Niliria", é distinguida por possuir uma batida étnica e surrealista.[7] Por sua vez, a canção "R.O.D" com participação de Lydia Paek, é uma faixa dubstep com adição de tambor caribenho,[1] enquanto "Black", que contém vocais de Jennie Kim e Sky Ferreira em versões diferentes da mesma canção, foi comparada as baladas de R&B do início da década de 90.[8]

O álbum também possui canções baseadas no rock, como o single "Crooked", que destacou-se por ser considerado um "pop-punk cativante",[9] que funde "batidas pesadas e riffs de guitarra".[1] Além de "Runaway", uma canção que combina rock alternativo com música eletrônica.[4] Coup d'Etat possui ainda as faixas "I Love It", co-produzida com o DJ alemão Boys Noize e que possui participação de Zion.T, é considerada uma "mistura suave de R&B com disco"[1] e "Window", que traz o hip hop e o pop ligados a sintetizadores dos anos 80, sendo "misturados a batidas tribais".[1]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

O álbum foi lançado em formato digital dividido em duas partes, sendo elas: Coup d'Etat, Pt.1 lançado em 2 de setembro de 2013, contendo as cinco primeiras faixas do alinhamento e Coup d'Etat, Pt.2 lançado em 5 de setembro, contendo as sete faixas restantes. A edição completa de Coup d'Etat foi lançada em 13 de setembro, composta por doze canções em seu formato digital e por catorze canções em seu formato físico.[10][11] Adicionalmente, o formato físico do álbum foi lançado contendo capas disponíveis nas cores vermelha e preta, sem alteração de conteúdo entre as versões.

Em 29 de setembro de 2013, foi anunciado pela YG Entertainment, o lançamento de uma edição de Coup d'Etat em formato vinil, com vendas limitadas a 8,888 mil unidades. Sua pré-venda iniciou-se em 30 de setembro e foi encerrada em 2 de outubro, com a venda de todas as cópias.[12][13] Além do vinil, seu conteúdo inclui um crachá, uma máscara e um livreto com letras escritas à mão. Fotos da exposição "Space Eight" e do vídeo musical da canção "Coup d'Etat", também fazem parte do material.[14][15]

Promoção[editar | editar código-fonte]

Em 15 de março de 2013, a YG Entertainment anunciou que G-Dragon lançaria um novo single para apoiar sua primeira turnê mundial,[16] a canção intitulada "MichiGo" foi lançada exclusivamente através do aplicativo móvel Line em 1 de abril do mesmo ano, sendo disponibilizada apenas na Coreia do Sul, Japão e Tailândia.[17] Mais tarde, em 25 de agosto, G-Dragon e Missy Elliot revelaram a canção "Niliria", durante apresentação conjunta no festival de música estadunidense Kcon 2013.[18][19][20] Em seguida, uma série de imagens promocionais foram lançadas entre os dias 26 e 27 de agosto, com o intuito de divulgar o lançamento de Coup d'Etat.[21][22] Em 1 de setembro, foi revelado a lista de faixas completa do álbum, incluindo a informação da participação de outros artistas no mesmo.[23]

As atividades promocionais de Coup d'Etat incluíram ainda apresentações de G-Dragon em programas de televisão sul-coreanos, em 6 de setembro, ele realizou sua primeira apresentação de retorno através do talk show You Hee-yeol's Sketchbook onde cantou o single "Crooked" e a versão solo de "Niliria".[24] Dois dias depois, sua primeira apresentação em um programa de música ocorreu no Inkigayo da SBS, onde apresentou as canções "Niliria", "MichiGo" e estreou "Black" com Jennie Kim.[25][26] Em 29 de setembro, G-Dragon e a cantora CL, se juntaram para a primeira apresentação ao vivo da canção "R.O.D", também no Inkigayo.[27]

Uma exposição de arte realizada por G-Dragon, ocorreu em Seul de 10 a 17 de setembro de 2013, coincidindo com o lançamento de Coup d'Etat. A exposição foi intitulada de "Space Eight" e apresentou 88 itens relacionados ao número oito.[28][29]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Crítica profissional[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
MTV Iggy favorável[30]
The New York Times favorável[8]
Pitchfork 6.1/10[31]

Em uma resenha do álbum para a MTV, Alexis Stephens escreveu que G-Dragon mistura suas influências de gêneros musicais em Coup d'Etat, mas que ás vezes, ele sente que o álbum parece ter "calorias vazias", no entanto, Stephens acredita que tanto G-Dragon como Teddy Park e Choice37, criaram "um pastiche pós-moderno de sons de ídolos pop de todo o mundo em 2013".[30] Jeff Benjamin e Jessica Oak da Billboard, expressaram que o álbum estabelece as semelhanças entre os artistas de K-pop e ocidentais e que na verdade "não são diferentes das pessoas comuns lutando com inseguranças, relacionamentos e provando a maturidade talvez um pouco prematuramente".[1] David Jeffries da Allmusic notou que G-Dragon "fixou seu olhar na América" com este álbum, e declarou que, "quando este esforço chamativo e ágil se aprofunda", o ouvinte ficará chocado.[32]

Para Jon Caramanica do The New York Times, "enquanto o K-pop é gloriosamente sintético, G-Dragon é uma tela milagrosa para se trabalhar. Ele se transforma facilmente em quase qualquer estilo, se move com confiança e tem um senso perpétuo de teatro sobre ele". Caramanica também observou que Coup d'Etat é talvez o álbum de K-pop com a América mais forte em sua mente e em seus créditos".[8] Avaliando o álbum com uma nota de 6.1 de 10, Corban Goble da publicação Pitchfork, sentiu que os melhores momentos de Coup d'Etat vieram da entrega "da promessa de um superstar G-Dragon" e da capitalização de "seu enorme carisma". Ele concluiu sua análise dizendo que, "se você vem para Coup d'Etat esperando algum tipo de revolução, ficará desapontado; é uma escuta intrigante, um senão de alguém importante".[31] A revista Complex, listou Coup d'Etat com sua capa de cor vermelha, como uma das "50 Melhores capas de álbuns pop dos últimos cinco anos".[33]

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "MichiGo" foi lançado em 1 de abril de 2013, através de download digital e de forma limitada pelo aplicativo móvel Line para três países asiáticos.[17] Mais tarde em 20 de abril, a canção foi lançada mundialmente, também sob o mesmo formato. Ela foi incorporada a lista de faixas do álbum, após o lançamento digital de Coup d'Etat, Pt.2 e posteriormente no lançamento do álbum completo. Comercialmente, "MichiGo" atingiu nas paradas sul-coreanas a posição de número dezessete na Gaon Digital Chart e Billboard K-pop Hot 100[34][35] e se estabeleceu em número nove na parada estadunidense Billboard World Digital Songs.[36]
  • "Coup d'Etat" foi lançado em 2 de setembro de 2013 através de download digital e como parte de Coup d'Etat, Pt.1, mais tarde, a canção foi incorporada ao lançamento completo do álbum de mesmo nome. Seu lançamento atingiu a posição de número cinco na sul-coreana Gaon Digital Chart[37] e de número quinze na também sul-coreana Billboard K-pop Hot 100.[35] Além disso, se estabeleceu em número quatro na estadunidense Billboard World Digital Songs, tornando-se a canção melhor posicionada do álbum na referida parada.[36]
  • Crooked teve seu lançamento ocorrido em 5 de setembro de 2013 através de download digital e como parte de Coup d'Etat, Pt.2, mais tarde, a canção foi incorporada ao lançamento completo do álbum. Em termos comerciais, na Coreia do Sul a faixa posicionou-se em número três na Gaon Digital Chart[34] e em número dois na Billboard K-pop Hot 100, figurando nesta última, a canção melhor posicionada do álbum na referida parada.[35] "Crooked" também tornou-se o single de maior vendagem de Coup d'Etat no país, obtendo vendas que ultrapassaram um milhão de cópias digitais somente em 2013.[38] Na parada estadunidense Billboard World Digital Songs a canção atingiu pico de número cinco.[36]
  • Who You? foi escolhido como o último single do álbum e seu lançamento ocorreu em 13 de novembro de 2013. Após o seu lançamento, a canção atingiu o topo da sul-coreana Gaon Digital Chart, tornando-a canção melhor posicionada de Coup d'Etat na parada,[37] além disso, se estabeleceu em número quatro na também sul-coreana Billboard K-pop Hot 100[35] e em número seis na estadunidense Billboard World Digital Songs.[39]

Lista de faixas[editar | editar código-fonte]

N.º TítuloLetraMúsicaArranjos Duração
1. "Coup d'Etat" (쿠데타; Kudeta; com participação de Diplo e Baauer)G-DragonG-Dragon, Diplo, BaauerDiplo, Baauer 2:58
2. "Niliria" (늴리리야; Nililiya; com participação de Missy Elliott)Missy Elliott, G-DragonTeddy Park, G-Dragon, Missy ElliottTeddy Park 2:52
3. "R.O.D." (com participação de Lydia Paek)Teddy Park, G-Dragon, Choice37Teddy ParkTeddy Park 3:56
4. "Black" (com participação de Jennie Kim)Teddy Park, G-DragonTeddy ParkTeddy Park 3:23
5. "Who You?" (니가 뭔데; Niga Mwonde)G-DragonG-Dragon, KushKush, Choice37 3:21
6. "Shake the World" (세상을 흔들어; Sesangeul Heundeuleo)G-DragonG-Dragon, Choice37Choice37 2:55
7. "MichiGo" (미치Go; Michigo)G-DragonG-Dragon, Ham Seung-cheon, Kang Wook-jinHam Seung-cheon, Kang Wook-jin 3:28
8. "Crooked" (삐딱하게; Ppiddak-hage)Teddy Park, G-DragonTeddy Park, G-DragonTeddy Park 3:45
9. "Niliria" (늴리리야; Nililiya; G-Dragon ver.)G-Dragon, Teddy ParkTeddy Park, Missy Elliott, G-DragonTeddy Park 2:52
10. "Runaway"  G-DragonG-Dragon, Dee.PDee.P 3:21
11. "I Love It" (너무 좋아; Neomu Joh-a; com participação de Zion.T & Boys Noize)G-DragonG-Dragon, Boys Noize, SiriusmoBoys Noize, Siriusmo 3:15
12. "You Do (Outro)"  G-DragonG-Dragon, Choice37Choice37 2:38
Notas

Desempenho nas paradas musicais[editar | editar código-fonte]

Após o lançamento de Coup d'Etat, Pt.1 através de formato digital, o material atingiu a primeira colocação do iTunes Top Albums de oito países asiáticos.[44][45] Posteriormente, o lançamento de Coup d'Etat, Pt.2 também em formato digital, liderou de mesmo modo a referida parada em países asiáticos.[46] Na Coreia do Sul, após a divulgação de Coup d'Etat, Pt.2, todas as suas canções se posicionaram nos primeiros lugares da parada online da Mnet[47] e seis faixas se estabeleceram dentro do top 10 da Gaon Digital Chart, após o lançamento digital das duas partes do álbum.[37] Mais tarde, Coup d'Etat se tornou o terceiro álbum mais vendido em formato digital pela Melon.[48] Além disso, em 10 de setembro, foi revelado que o álbum em seu formato físico, havia recebido uma pré-venda de mais de trezentas mil cópias na Coreia do Sul.[49] Seu lançamento como um álbum completo ocorrido três dias depois, levou Coup d'Etat a estrear em número um nas paradas semanal e mensal da Gaon Album Chart.[50][51] Em 2013, suas vendas totalizaram 195,603 mil cópias no país.[52]

Nos Estados Unidos, Coup d 'Etat, Pt. 1 alcançou a posição de número 182 na Billboard 200, obtendo vendas de duas mil cópias em sua primeira semana,[53] além de liderar a Billboard World Albums.[53] Em contrapartida, Coup d 'Etat, Pt. 2 atingiu seu pico de número dois na Billboard World Albums.[54] No Japão, o lançamento do álbum completo em formato físico, obteve vendas de 11,150 mil cópias em sua primeira semana, levando o álbum a se estabelecer em número onze na Oricon Albums Chart.[55]

Posições[editar | editar código-fonte]

Paradas (2013) Melhor
posição
 Coreia do Sul (Gaon Weekly Albums Chart)[50] 1
 Coreia do Sul (Gaon Monthly Albums Chart)[51] 1
 Coreia do Sul (Gaon Yearly Albums Chart)[52] 8
 Estados Unidos (Billboard 200)[56] 182
 Estados Unidos (Billboard World Albums)[57] 1
 Estados Unidos (Billboard Heatseekers Albums)[58] 3
 Estados Unidos (Billboard Top Rap Albums)[59] 19
 Estados Unidos (Billboard Independent Albums)[60] 39
 Japão (Oricon Weekly Albums Chart)[55] 11

Histórico de lançamento[editar | editar código-fonte]

Região Data Formato(s) Gravadora
Mundo[61][62] 2 de setembro de 2013 (parte 1) Download digital YG Entertainment
5 de setembro de 2013 (parte 2)
 Coreia do Sul[63] 13 de setembro de 2013 CD YG Entertainment, KT Music (distribuidor)
Taiwan[64] 4 de outubro de 2013 Warner Music Taiwan
 Coreia do Sul[65] 22 de outubro de 2013 Vinil (edição limitada) YG Entertainment

Referências

  1. a b c d e f g Benjamin, Jeff; Oak, Jessica (4 de setembro de 2013). «G-Dragon, 'COUP D'ETAT': First Listen». Billboard. Consultado em 4 de junho de 2016 
  2. «G-Dragon Wins "World's Best Entertainer" and "World's Best Album" Awards». World Music Awards. 10 de setembro de 2014. Consultado em 5 de junho de 2016 
  3. «G-Dragon Answers Questions From Fans in Latest "Ask In a Box" Episode». Soompi. 18 de setembro de 2013. Consultado em 18 de setembro de 2013 
  4. a b c d e f Cho, Jaeki (10 de setembro de 2013). «The Making of G-Dragon's "Coup D'Etat"». Complex. Consultado em 4 de junho de 2016 
  5. «News About 'G-Dragon'». YG Life. 25 de junho de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  6. Oak, Jessica (2 de setembro de 2013). «G-Dragon Reveals Video for Diplo/Baauer-Produced "Coup d'Etat" & Star-Studded Album Features». Billboard. Consultado em 4 de junho de 2016 
  7. Frederick, Brendan (2 de dezembro de 2013). «32. G Dragon f/ Missy Elliott "Niliria" - The 50 Best Songs of 2013». Complex. Consultado em 4 de junho de 2016 
  8. a b c Caramanica, Jon (15 de setembro de 2013). «K-Pop's Antic Emissary Raids the Cupboard». The New York Times. Consultado em 4 de junho de 2016 
  9. Hogan, Marc (6 de setembro de 2013). «G-Dragon Spreads Anarchy in K-Pop With Punk-Charged 'Crooked' Video». Spin. Consultado em 8 de setembro de 2013 
  10. Hogan, Marc (4 de setembro de 2013). «G-Dragon Takes Over With Diplo and Baauer in Spectacular 'Coup d'Etat' Video». Spin. Consultado em 4 de junho de 2016 
  11. Cho, Yo-rim (3 de setembro de 2013). «G-Dragon sweeps charts with 'Coup d'Etat'». The Korea Herald. Consultado em 4 de junho de 2016 
  12. «G-Dragon's "Coup d'Etat", 8,888 Limited Edition LPs Sold Out Before Official Release». YG Life. 3 de outubro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  13. «G-Dragon's LP Pre-order Completely Sold Out in One Day». Soompi. 3 de outubro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  14. «GD to Release Limited Edition of 2nd Album Vinyl LP: Who Will Be The Lucky 8888?». YG Life. 29 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  15. «G-Dragon to release limited edition LP». Yonhap News Agency. 30 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  16. «지드래곤, 월드투어서 신곡 '미치GO' 첫 공개» (em coreano). nate.com. 15 de março de 2013. Consultado em 10 de maio de 2017 
  17. a b «G-Dragon's New Single "Michi GO" To Go On Limited Release On April 1st». Jpop Asia. 29 de março de 2013 
  18. Hogan, Marc (30 de agosto de 2013). «Watch Missy Elliott and G-Dragon Duet in Official 'Niliria' Live Video». Spin. Consultado em 2 de setembro de 2013 
  19. Battan, Carrie (30 de agosto de 2013). «Watch Missy Elliott and K-Pop Star G-Dragon Debut New Song "Niliria"». Pitchfork Media. Consultado em 4 de junho de 2016 
  20. Bowman, Patrick (30 de agosto de 2013). «Missy Elliott & G-Dragon Light It Up With "Niliria" Performance: Watch». idolator.com. Consultado em 4 de junho de 2016 
  21. «G-Dragon – 'Coup d'Etat' Teaser Pic #1». YG Life. 26 de agosto de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  22. «G-Dragon – 'Coup d'Etat' Teaser Pic #2». YG Life. 27 de agosto de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  23. «G-Dragon plans 'Copu d'Etat' with 4-title song album tracklist». Allkpop. 1 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  24. «G-Dragon makes his comeback stage through 'Yoo Hee Yeol's Sketchbook'». Allkpop. 6 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  25. «YG Entertainment trainee Jennie Kim to feature on G-Dragon's 'Inkigayo' comeback stage». Allkpop. 8 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  26. «Teen Top wins #1 + Performances from the September 8th episode of SBS' 'Inkigayo'». Allkpop. 8 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  27. «Big Bang G-Dragon to Reveal New Song 'R.O.D' on 'Inkigayo' Featuring 2NE1 CL». KpopStarz. 28 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  28. «G-Dragon To Hold Art Exhibition To Coincide With Release Of Second Solo Album 'COUP D'ETAT' And His World Tour Finale». KpopStarz. 29 de agosto de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  29. «G-Dragon Holds Exclusive Exhibition '…Space 8′ Next Month». YG Life. 29 de agosto de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  30. a b Stephens, Alexis (19 de setembro de 2013). «Reviewed: G-Dragon's Coup D'etat». MTV Iggy. Consultado em 4 de junho de 2016. Arquivado do original em 21 de setembro de 2013 
  31. a b Goble, Corban (20 de setembro de 2013). «G-Dragon: Coup D'Etat Album Review». Pitchfork Media. Consultado em 4 de junho de 2016 
  32. a b «Coup D'etat, Pt. 1». Allmusic. Consultado em 4 de junho de 2016 
  33. Eisinger, Dale (8 de novembro de 2013). «20. G-Dragon, Coup D'Etat». Complex. Consultado em 4 de junho de 2016 
  34. a b «2013년 38주차 Digital Chart». Gaon Chart. Consultado em 4 de junho de 2016 
  35. a b c d «Korea K-Pop Hot 100 Chart». Billboard Korea. 21 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  36. a b c «Billboard World Digital Songs: Chart Search». Billboard. 21 de setembro de 2013. Consultado em 28 de novembro de 2018. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2018 
  37. a b c «2013년 37주차 Digital Chart». Gaon Chart. Consultado em 10 de novembro de 2018 
  38. «2013년 Download Chart». Gaon Chart. Consultado em 4 de junho de 2016 
  39. «World Digital Songs». Billboard. 30 de novembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  40. «Amazon.com: Coup d'Etat (CD)». Amazon. Consultado em 4 de junho de 2016 
  41. «[Album Review] G-Dragon 'Coup De'Tat'». Allkpop. 6Theory Media. 14 de setembro de 2013. Consultado em 19 de setembro de 2013. Arquivado do original em 4 de junho de 2016 
  42. «G-Dragon Covers Complex's "Coup d'Etat" Week!». Complex. 9 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  43. Cho, Jaeki (10 de setembro de 2013). «The Making of G-Dragon's "Coup D'Etat" - Niliria». Complex. Consultado em 4 de junho de 2016 
  44. «G-Dragon Topping 8 Countries' Itunes Charts… Beginning TV Appearance at "Sketchbook"». YG Life. 4 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  45. «Big Bang G-Dragon Tops 7 Countries iTunes Charts with New Album, 'COUP D'ETAT'». KpopStarz. 3 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  46. «Big Bang G-Dragon Ranks Number 1 on Foreign iTunes Album Charts». KpopStarz. 6 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  47. «G-Dragon's New Song "Sweeping The Chart" Upon Being Released». YG Life. 5 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  48. «Melon 2013 Year End Chart». 3 de setembro de 2013. Consultado em 31 de dezembro de 2013 [ligação inativa]
  49. Hong, Grace Danbi (10 de setembro de 2013). «Big Bang G-Dragon's 2nd Album Exceeds 300,000 Preorders Just in Korea». Enewsworld. Consultado em 12 de setembro de 2013. Arquivado do original em 7 de novembro de 2013 
  50. a b «2013년 38주차 Album Chart». Gaon Chart. Consultado em 4 de junho de 2016 
  51. a b «2013년 09월 Album Chart». Gaon Chart. Consultado em 4 de junho de 2016 
  52. a b «2013년 Album Chart». Gaon Chart. Consultado em 4 de junho de 2016 
  53. a b Benjamin, Jeff (12 de setembro de 2013). «K-Pop Star G-Dragon Enters Billboard 200». Billboard. Consultado em 4 de junho de 2016 
  54. Hicap, Jonathan M. «G-Dragons Coup detat invades Billboard charts». Manila Bulletin. Consultado em 4 de junho de 2016. Arquivado do original em 29 de abril de 2014 
  55. a b «CDアルバムランキング». Oricon. Consultado em 4 de junho de 2016 
  56. «Billboard 200». Billboard. 21 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  57. «World Albums». Billboard. 21 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  58. «G-Dragon - Chart History - Heatseekers Albums». Billboard. Consultado em 4 de junho de 2016 
  59. «G-Dragon - Chart History - Rap Albums». Billboard. Consultado em 4 de junho de 2016 
  60. «G-Dragon - Chart History - Independent Albums». Billboard. Consultado em 4 de junho de 2016 
  61. «G-Dragon ‎– 쿠데타 Coup D'Etat, Pt. 1». Discogs. Consultado em 4 de junho de 2016 
  62. «G-Dragon ‎– 쿠데타 Coup D'Etat, Pt. 2». Discogs. Consultado em 4 de junho de 2016 
  63. «지드래곤, 정규 2집 타이틀곡만 4곡…미시엘리엇-디플로 화려한 라인업». YG Entertainment. YG Life. 2 de setembro de 2013. Consultado em 4 de junho de 2016 
  64. «G-Dragon: Warner Music Taiwan». Warner Music Taiwan. Consultado em 4 de junho de 2016 
  65. «(G-Dragon) Coup d'Etat Vinyl LP [8,888장 한정반]» (em coreano). Less Music. Consultado em 4 de junho de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]