Crisólita

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura por procura a pedra preciosa homónima, veja crisólito.
Crisólita
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Crisólita
Bandeira
Brasão de armas de Crisólita
Brasão de armas
Hino
Gentílico crisolitense
Localização
Localização de Crisólita em Minas Gerais
Localização de Crisólita em Minas Gerais
Mapa de Crisólita
Coordenadas 17° 14' 13" S 40° 54' 43" O
País Brasil
Unidade federativa Minas Gerais
Municípios limítrofes Águas Formosas, Novo Oriente de Minas, Pavão, Carlos Chagas, Umburatiba, Machacalis
Distância até a capital Não disponível
História
Fundação 21 de dezembro de 1995 (25 anos)
Administração
Prefeito(a) Ronaldo Costa Farias (PT, 2021 – 2024)
Características geográficas
Área total [2] 969,804 km²
População total (Censo IBGE/2010[3]) 6 040 hab.
Densidade 6,2 hab./km²
Clima Não disponível
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
CEP 39885-000 a 39889-999[1]
Indicadores
IDH (PNUD/2000 [4]) 0,586 baixo
PIB (IBGE/2008[5]) R$ 32 656,793 mil
PIB per capita (IBGE/2008[5]) R$ 5 549,16
Outras informações
Padroeiro(a) Senhor Bom Jesus[6]
Sítio crisolita.mg.gov.br (Prefeitura)
camaracrisolita.mg.gov.br (Câmara)

Crisólita é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. Sua população recenseada em 2010 foi de 6.040 habitantes.

Nova Santa Luzia é o único distrito de Crisólita, localizado a oeste da sede municipal. Contando com relevo predominante montanhoso entre algumas planícies. A Pedra da Beleza se destaca como o maior pico da região, que pode ser observada a dezenas de quilômetros de distância. Há poucas formas de entretenimento, dentre elas se destaca campo de futebol como principal fonte de lazer local, atraindo quantidade significativa de telespectadores nas partidas de domingo. Como o clima é predominante quente favorece a prática de esportes como natação, esta uma das atividades mais praticada pelos moradores, principalmente, jovens e crianças. O distrito conta com uma grande área rural destinada à criação de gado que é historicamente responsável pela maior fatia do desmatamento das formações vegetais nativas. 

Referências

  1. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC). «Lista por santos padroeiros» (PDF). Descubra Minas. p. 8. Consultado em 14 de setembro de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 14 de setembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.