Cristiana Lôbo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes confiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. (desde dezembro de 2017) Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Cristiana Lôbo
Nome completo Cristiana dos Santos Mendes Lôbo
Nascimento 2 de fevereiro de 1958 (60 anos)
Morrinhos,  Goiás
 Brasil
Ocupação Jornalista e apresentadora de televisão
Nacionalidade brasileira

Cristiana dos Santos Mendes Lôbo (Morrinhos, 2 de fevereiro de 1958[1]), é uma jornalista brasileira em atuação na Globonews.[2]

Política brasileira[editar | editar código-fonte]

Acompanha a política brasileira desde 1982. Cobriu os governos João Figueiredo, José Sarney, Fernando Collor de Mello, Itamar Franco, Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff. Atualmente, comenta os bastidores de Brasília, as decisões do governo federal e as negociações com o Congresso Nacional.

É palestrante de assuntos políticos e mercado financeiro.[3][4]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Cristiana estudou Comunicação Social na Universidade Federal de Goiás. Ingressou na profissão escrevendo esporadicamente para a Folha de Goiaz, jornal local de Goiânia. Em 1978, foi contratada como estagiária para a editoria de política. Um ano depois, seguiu para a sucursal de O Globo, em Brasília.

Ainda na capital do país, Cristiana foi repórter setorista de vários ministérios por dois anos. A experiência valeu uma visão detalhada de cada pasta. O desafio seguinte foi cobrir o Palácio do Planalto.

Em 1984, novo rumo na carreira: o Congresso Nacional. A jornalista aproveitou para conhecer de perto e a fundo o trabalho de cada deputado.

Em 1986, Cristiana passou a ser assistente de Tereza Cruvinel na coluna Panorama Político, do jornal O Globo.

Em 1992, foi a vez de trabalhar com Ricardo Boechat. No mesmo ano, assumiu uma coluna no O Estado de S. Paulo, no qual ficou até 1998. De lá, passou a ser âncora do programa Fatos e Versões da Globo News.

É comentarista do Jornal das Dez, da Globo News e do Hora Um da Notícia, da TV Globo.

Referências

  1. «Portal dos Jornalistas». Portal dos Jornalistas. Consultado em 25 de abril de 2015 
  2. Castro, Daniel. (15 de setembro de 2008). Globo News tenta perder tom carioca. Folha de S.Paulo, reproduzido no Observatório da Imprensa, acesso em 18 de janeiro de 2011
  3. Pingado. (3 de novembro de 2010). Cristiana Lôbo ministra palestra no Vision Nexxera 2011, acesso em 18 de janeiro de 2011
  4. Blog da Fiemg. (28 de julho de 2010). Cristiana Lôbo é próxima palestrante do Gestão & Competitividade, acesso em 18 de janeiro de 2011

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Blog oficial de Cristiana Lôbo