Cristina Scabbia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Cristina Scabbia
Cristina Scabbia Cropped.jpg
Cristina Scabbia, 2006.
Informação geral
Nome completo Cristina Adriana Chiara Scabbia
Nascimento 6 de junho de 1972 (45 anos)
Local de nascimento Milão, Lombardia
 Itália
Gênero(s) Metal gótico, Heavy metal, Metal alternativo
Cônjuge James Root (2005-presente)
Instrumento(s) Vocal
Período em atividade 1991 – presente
Gravadora(s) Century Media
Afiliação(ões) Lacuna Coil

Cristina Adriana Chiara Scabbia (Milão, 6 de Junho de 1972) é uma cantora, vocalista da banda italiana de gothic metal Lacuna Coil juntamente com Andrea Ferro. Ela também é colunista na popular revista de rock Revolver juntamente com Vinnie Paul, ex-membro da banda Pantera, atualmente na banda Hellyeah. Com a ascensão do Lacuna Coil nos EUA, Cristina foi alçada ao posto de símbolo sexual, com seus 1,60 m e 50 kg. Possui uma voz formidável, que consegue alcançar tons altíssimos e se encaixa perfeitamente nas harmonias compostas juntamente com seu parceiro de vocal, Andrea. Apesar da fama de sua beleza, Cristina diz que o melhor elogio que um fã poderia lhe dar seria admirar suas habilidades vocais. Ela está em um noivado com um dos guitarristas da banda Slipknot, James Root, desde 2004. Em 2014 foi considerada a Rainha do Rock N' Roll, pela coluna de entretenimento do site Examiner.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Cristina cresceu ouvindo música com sua família, que incluia sua irmã e seus dois irmãos. Entretanto as preferências musicais de seus irmãos eram diferentes das de Cristina, suas primeiras influências vieram de bandas como Genesis, Led Zeppelin, AC/DC, e tradicionais músicas italianas. Ela começou a se interessar em heavy metal aos seus 20 anos assim como nas músicas dos anos 80, que inclui músicas dance. Cristina diz que é difícil dizer o que a influencia como música e ela sente que qualquer tipo de música tem influência sobre ela.

Cristina era amiga dos membros do Lacuna Coil e namorada de Marco Coti Zelati, baixista da banda, e começou a usar suas habilidades vocais como backing vocal na banda. Quando eles perceberam o seu interesse em cantar com o Lacuna, planejaram gravar uma demo junto com Cristina para ser enviado às gravadoras e conseguirem um contrato. Inicialmente ela foi chamada para cantar partes dos refrões, mas a banda gostou da dualidade do som masculino/feminino e pediram para ela se tornar um membro oficial da banda, sendo a última a se juntar à atual formação.

Logo após gravarem o demo, eles assinaram inicialmente com a gravadora internacional Century Media localizada na Alemanha, depois se juntaram ao selo da filial americana. Antes mesmo do lançamento do primeiro álbum em 1997,a banda já estava na sua primeira turnê.

Ela participou de diversos duetos e participações com outras bandas, tanto da cena do metal, quanto de outros estilos. Entre suas participações mais famosas estão o remake da música "A Tout Le Monde" do álbum United Abominations da banda de thrash metal Megadeth. A música é um dueto com Dave Mustaine e foi o primeiro single do álbum. Assim como a música que gravou com a banda Apocalyptica, S.O.S (anything but love).

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Cristina foi noiva de Marco Coti Zelati, baixista do Lacuna Coil, por cerca de dez anos. Quando os dois se separaram, em 2005, muitos boatos sobre o estado civil da cantora começaram a circular pela internet, dentre os quais o mais famoso sugeria que Cristina estivesse namorando o guitarrista James Root, da banda americana Slipknot. Este boato foi confirmado pela própria cantora e pelo guitarrista frente à imprensa. Atualmente, estão noivos.

Cristina adora assistir filmes, cozinhar, fotografar e posar para fotos, fazer compras, adora roupas e passar o tempo com seus amigos e família. Seu esporte favorito é o futebol e ela torce para o AC Milan. Quando esteve nos EUA, teve o prazer de assitir o programa Food Network e é fan do chef Emeril Lagasse, a quem ela chama de 'o cara'. Cristina também gosta de assistir os programas Everyday Italian da Giada De Laurentiis e 30 Minute Meals com Rachael Ray. Ela começou a se interessar nas causas da ONG PETA e se tornou contra o uso de peles na fabricação de roupas após assistir um video cruel de um animal, dado pelo seus amigos.

Suas cores favoritas são vermelho, branco e rosa (todas igualmente) e o seu álbum favorito do Lacuna Coil é o Unleashed Memories. Ela adora a voz dos cantores negros e seus cantores favoritos são Tori Amos e Skye Edwards da banda Morcheeba. Ela fez um dueto com um importante escritor/cantor italiano, Franco Battiato na música "I'm that" (2004) e cantou com ele no concerto de Milão em 2005 (o concerto pode ser assistido no DVD "Un soffio al cuore di natura elettrica"). Ela também pode ser ouvida no single "Can you hear me" da banda Rezophonic. Em 2006, Cristina e seus companheiros de banda apareceram, junto a outras bandas italianas, no clipe do Rezophonic "L'uomo di plastica". Cristina também pode ser ouvida em sua participação especial no single À Tout le Monde (Set Me Free) do álbum United Abominations da banda americana de Thrash Metal Megadeth.

Veja também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Cristina Scabbia