Critérium

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Um critérium é um tipo de corrida ciclista amadora ou não oficial, disputada num circuito curto e fechado ao trânsito com frequência nas ruas de uma cidade, na que competem ciclistas profissionais com não profissionais sendo algumas vezes -dependendo do número de participantes- maioria os não profissionais. A longitude de carreira pode ser determinada por um número de voltas ou por tempo. Em general, a duração (comumente uma hora) é mais curta que a de uma carreira tradicional em estrada.[1] No entanto, a velocidade média e a intensidade são sensivelmente superiores. Ao ser disputada (pelo geral) em circuitos muito curtos, a quantidade de voltas pode ser do meio das 50 ou 60 e o aficionado tem a oportunidade de ver os ciclistas várias vezes.

Não deve confudir-se com outras corridas que têm critérium em seu nome como o Critérium Internacional ou o Critérium do Dauphiné, entre outras, que mantêm esse termo de seus inícios quando os critériums não estavam regulados e esse termo fazia referência normalmente a carreiras "open".

O termo critérium também é usado em rally para referir a uma variante do mesmo com uma regulamentação diferente. Alguns exemplos disso foram o Criterium Molson du Quebec, prova canadiana que foi puntuable para o Campeonato Mundial de Rally. Em França o Critérium dês Cévennes ou o Criterium da Chataigne e em Espanha o Criterium da Rioja ou o Criterium Luis de Baviera. Também se costuma utilizar a palavra critérium em algumas corridas a pé, duatonas e triatlonas com uma regulamentação diferente às completamente profissionais.[2]

Regulamentação[editar | editar código-fonte]

Ainda que não tenham consideração de profissionais a União Ciclista Internacional as regula com a ameaça de sanções aos corredores profissionais que participem naquelas que não se ajuste a sua regulamentação ou não peça a permissão oportuna.[3]

Circuito[editar | editar código-fonte]

A efeitos União Ciclista Internacional os circuitos devem ser de uma longitude mínima de 800 metros a uma máxima de 10 quilómetros. Essa longitude também determina um máximo de quilómetros para a carreira.

Longitude do circuito Distância máxima
800 a 1599 m 80 quilómetros
1600 a 2999 m 110 quilómetros
3000 a 3999 m 132 quilómetros
4000 a 10000 m 150 quilómetros

Critériums pós-Tour de France[editar | editar código-fonte]

Nos Países Baixos, Bélgica e França são muito comuns a organização de critériums nos meses de julho e agosto onde se convidam às figuras do Tour de France no meio de um ambiente feriado. Ainda que nunca se tenha confirmado abertamente realmente estes critériums são não competitivos e a maioria de vezes os vencedores estão pactuados de antemão por motivos publicitários.[4][5]

Referências

  1. «Que é um Criterium?» (PDF). Consultado em 15 de março de 2015. Arquivado do original (PDF) em 13 de agosto de 2014 
  2. «critérium». Diccionario esencial. Consultado em 13 de agosto de 2014 
  3. A UCI, contra as romerías… e contra algumas organizações mais sérias
  4. Contador ingevlogen met privéjet voor criterium
  5. Zijn wielercriteriums doorgestoken kaart?

Ligações externas[editar | editar código-fonte]