Cuphead

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cuphead
Produtora(s) StudioMDHR Entertainment
Editora(s) StudioMDHR Entertainment
Distribuidora(s) Microsoft Studios
Diretor(es) Chad Moldenhauer
Jared Moldenhauer
Produtor(es) Marija Moldenhauer
Ryan Moldenhauer
Projetista(s) Jared Moldenhauer
Escritor(es) Evan Skolnick
Programador(es) Eric Billingsley
Kezia Adamo
Tony Coculuzzi
Thomas Pryde
Artista(s) Chad Moldenhauer
Compositor(es) Kristofer Maddigan
Motor Unity
Plataforma(s) Xbox One
Microsoft Windows
Data(s) de lançamento 29 de setembro de 2017
Género(s) Run and gun
Plataforma
Modos de jogo Um jogador
Multijogador

Cuphead é um jogo eletrônico de run and gun e plataforma feito pelos irmãos canadenses Chad e Jared Moldenhauer com o nome de Studio MDHR, desenhado no estilo dos desenhos animados da década de 1930.[1] Como Cuphead, o jogador luta contra uma série de chefes para pagar uma dívida adquirida com o diabo. O jogo foi inspirado em animações década de 1930, como as do Fleischer Studios e procurou manter a obra em qualidades subversivas e surrealistas. Cuphead foi lançado em 29 de setembro de 2017 para Xbox One e Microsoft Windows.[2][3]

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

Além dos gráficos extremamente detalhistas e fiéis aos velhos cartoons, o jogo chama a atenção parculdade,[4] lembrando os jogos de plataforma dos anos 90 em 8 e 16 bit. É possível perceber referências a alguns desses jogos, como Contra, Mega Man X, Gunstar Heroes, Street Fighter III e Thunderforce (quando das fases aéreas).[5] As fases são repletas de inimigos, que atacam das mais diversas formas: saltando em direção ao jogador, caminhando ou atirando projéteis. O jogo também possui fases aéreas, com o personagem pilotando um avião, onde o objetivo é destruir os inimigos atirando projéteis e bombas. Outra referência a jogos vintage está no sistema de navegação entre fases através de um mapa ao estilo Super Mario World e Donkey Kong Country.

Música[editar | editar código-fonte]

Outro fator decisivo na aclamação deste jogo é sua trilha sonora. Composta por Kristofer Maddigan, conta com uma equipe de 42 músicos e aborda essencialmente o jazz. São 56 faixas ao todo, passeando entre temas de jazz tradicional, swing, ragtime, em sua maioria instrumental. Até mesmo o samba-enredo é lembrado, na faixa Floral Fury. A trilha sonora também está disponível separadamente, para download em alta qualidade, além de possuir uma versão em vinil quádruplo de luxo.[6]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]